Tribuna Expresso

Perfil

Automobilismo

Alexandre Azinhais à porta do top 10 na Africa Race

Oitavo no troço classificativo que antecedeu o dia de descanso desta segunda-feira na cidade marroquina de Dakhla, o motard português da KTM subiu para o 11.º lugar

Pedro Roriz

Partilhar

Na ligação entre Dakhla (Marrocos) e Tiwilit (Mauritânia), o motard português só foi batido pelo italiano Paolo Ceci (Honda) e pelo sul-africano Gev Sella (KTM), que ocupam as duas primeiras posições da geral da Africa Race, embora pela ordem inversa. O sul-africano gere a vantagem de que dispõe, enquanto o europeu, sem nada a perder, está ao ataque na tentativa de neutralizar a quase meia-hora de atraso.

Os “motards” lusos subiram todos na geral, com Didier Francisco (KTM) a registar o 11.º tempo na classificativa, confirmando que sem o tempo perdido há dois dias podia estar, tal como Azinhais, a lutar por um lugar no lote dos 10 primeiros.

Nos automóveis, o abandono do francês Thierry Magnaldi (Ford) deixou a vitória nas mãos do russo Vladimir Vasilyev (Mini), que tem como mais direto perseguidor o seu compatriota Andrey Karginov (Kamaz), primeiro dos camiões, mas já com mais de uma hora de atraso, pelo que o triunfo não deverá escapar ao piloto do Mini.