Tribuna Expresso

Perfil

Automobilismo

Fácil para Ricardo Porém. Piloto de Leiria vence a prova e leva vantagem de 4 minutos

Ricardo Porém, num Ford Ranger, está na frente da Baja Capital dos Vinhos de Portugal na região de Reguengos de Monsaraz. O piloto de Leiria terminou o dia com uma vantagem de 4 minutos

Pedro Roriz

Partilhar

Um despiste de João Ramos (Toyota Hilux), vencedor no Algarve, logo no arranque da prova alentejana, deixou Ricardo Porém (Ford Ranger), segundo na prova de abertura, à vontade e o piloto da marca da oval limitou-se a confirmar o favoritismo que lhe era atribuído e terminou o primeiro dia, da prova alentejana, no comando, com 4’01” de avanço sobre Hélder Oliveira (Nissan Navara V8).

Alejandro Martins (Toyota Hilux), que era o seu mais directo adversário e que estava a menos de dois minutos do comando, capotou já perto do final do SS. Com esta vantagem, a segunda passagem pelos 141,07 km do SS, a cumprir no domingo, Ricardo Porém, se devidamente aconselhado, pode limitar-se a gerir a sua vantagem para garantir o triunfo e ascender ao comando do campeonato.

O segundo lugar parece estar, também, decidido, porque Hélder Oliveira tem mais de dois minutos de avanço sobre Nuno Madeira (Kia Sportage TT), mas depois do piloto da marca sul-coreana, Pedro Ferreira (VW Amarok), Alexandre Franco (BMW X1) e Paulo Rui Ferreira (Toyota Hilux) estão separados por menos de um minuto, pelo que a luta pelo derradeiro lugar do pódio será o principal motivo de interesse para o dia de domingo.

Classificação geral, depois do 1.º SS – 1.º, Ricardo Porém/Hugo Magalhães (Ford Ranger), 1.53’19”; 2.º, Hélder Oliveira/Pedro Lima (Nissan Navara V8), a 4’01”; 3.º, Nuno Madeira/Miguel Costa (Kia Sportage TT), a 6’18”; 4.º, Pedro Ferreira/Valter Cardoso (VW Amarok), a 6’34”; 5.º, Alexandre Franco/Rui Franco (BMW X1), a 6’50”; 6.º, Paulo Rui Ferreira/Jorge Monteiro (Toyota Hilux), a 6’52”; 7.º, Henrique José Silva/Rui Gomes (Mini Cattiva), a 11’23”; 8.º, Pedro Dias da Silva/José Janela (Mazda Proto), a 13’31”; 9.º, Lino Carapeta/Rui António (Bowler Evoque), a 15’44”; 10.º, Filipe Carvalho/Bruno Sá (Nissan Navara), a 16’56”.