Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Informático suspeito de ter sido corrompido por assessor do Benfica tinha acesso a passwords de magistrados

Técnico de informática detido esta terça-feira juntamente com Paulo Gonçalves, assessor jurídico do Benfica, tinha acesso generalizado ao sistema informático dos tribunais e a passwords de juízes e procuradores. Funcionário encarnado é suspeito de ter subornado dois funcionários judiciais e o informático, que terão alegadamente vendido a Paulo Gonçalves informações que se encontravam em segredo de justiça

Hugo Franco, Pedro Candeias e Rui Gustavo

Paulo Gonçalves tinha sido constituído arguido no caso dos e-mails há alguns meses. Agora é suspeito de corromper funcionários judiciais

Partilhar

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)