Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Rui Vitória e a confusão no Sporting: “A vida dos outros não é nada para mim”

Na véspera da deslocação do Benfica ao terreno do Vitória de Setúbal, Rui Vitória não entra em euforias pelo facto de ser líder do campeonato. O treinador dos encarnados foi ainda confrontado com a polémica do momento - a suspensão de pelo menos 19 jogadores do plantel principal do Sporting

Hugo Miguel Ferreira

JOSÉ COELHO/LUSA

Partilhar

O OBJETIVO DO MOMENTO

“O importante são os próximos três pontos, o nosso horizonte é muito reduzido em termos temporais. Subimos mais um degrau na classificação. Ponto. A nossa maneira de pensar não muda em nada. Fizemos o nosso trabalho na semana passada e temos de fazer o nosso trabalho este sábado.”

O ADVERSÁRIO E O MEDIATISMO

“Há um mediatismo em volta destes jogos, um jogo contra o Benfica tem sempre uma realidade diferente, mais envolvimento, mais público, mas não me guio por aí. Vamos encontrar uma equipa de qualidade que com mais uns dois, três pontos pode ter a sua situação de manutenção resolvida. Vai ser um jogo difícil, num campo difícil, mas hoje em dia, por natureza, não existem jogos fáceis.”

A 'POLE POSITION' DO ESTADO ANÍMICO

“Não gosto de psicologias bacocas. Temos a perfeita noção da classificação em que estamos neste momento, mas continuamos a ter de ganhar.”

OS 'VITÓRIAS' DE VITÓRIA

“Fizemos um último jogo aqui [Estádio da Luz] contra o Vitória Sport Clube, a única diferença que houve em termos de trabalho é que agora é com o Vitória Futebol Clube. As rotinas e a forma de trabalhar são as mesmas, a única diferença é o ‘S’ [Vitória SC] que muda para um ‘F’ [Vitória FC]. Nós tínhamos de ganhar e tínhamos, nós temos de ganhar e temos.”

A INSTABILIDADE NO SPORTING

“A vida dos outros não é nada para mim, cada casa é que sabe a realidade em que vive, não quero sequer pronunciar-me sobre isso”.

A MATEMÁTICA DA LUTA PELO TÍTULO

“Olhando para a classificação, todas as equipas que estão matematicamente com possibilidades de chegar ao nosso lugar podem ocupá-lo. Se estão ou não na corrida… cada um diz o que quer. Matematicamente, o quinto classificado já está muito longe [Rio Ave], mas todos os outros estão na luta pelo título.”

OS JOGOS MAIS DECISIVOS (OU NÃO)

“Nunca sabemos qual é o jogo mais importante de um campeonato, nunca sabemos qual é o jogo ‘xpto’ que pode ser o jogo decisivo. De um momento para outro as coisas estão bem e podem tornar-se más, a vida dá tantas voltas.”

A UTILIZAÇÃO DE SALVIO

“Qualquer jogador que vai para o banco é porque entendo que tem condições para estar entre nós. Os 19 jogadores que convocar é porque estão em condições de jogar, depois é manobrar o lote de onze que quero pôr a jogar.”