Tribuna Expresso

Perfil

Ciclismo

Ciclista espanhol Samuel Sánchez, da BMC, acusa doping

Samuel Sánchez foi campeão de estrada nos Jogos Olímpicos de Pequim2008.

Lusa

Partilhar

O espanhol Samuel Sánchez (BMC) acusou a hormona de crescimento GHRP-2 num controlo antidoping inopinado, realizado em 09 de agosto, anunciou na quinta-feira a União Ciclista Internacional (UCI).

No comunicado, a UCI lembra que Sanchez, suspenso provisoriamente, tem direito a solicitar uma análise à amostra B.

Face a esta suspensão provisória, Samuel Sánchez, de 39 anos, ficará impedido de disputar a Volta a Espanha, entre 19 de agosto e 10 de setembro.

O diretor da Volta a Espanha em bicicleta, Javier Guillén, qualificou hoje como “uma notícia extraordinariamente negativa” o controlo positivo do espanhol Samuel Sánchez (BMC) relativo ao consumo de uma substância proibida.

“É uma notícia extraordinariamente negativa para o ciclismo e para a Vuelta, mas o importante é que os 198 ciclistas que participarão o façam limpos e sem quaisquer dúvidas (...) Se queremos ter credibilidade, os 198 participantes devem sair limpos”, declarou Javier Guillén.

Samuel Sánchez foi campeão de estrada nos Jogos Olímpicos de Pequim2008.