Euro 2016

Perfil

Adeptos russos expulsos, cenas de violência em Marselha e Lille

França acaba de anunciar a expulsão de duas dezenas de adeptos russos. É a condenação das autoridades francesas pelos atos de violência cometidos em Marselha no sábado. A seleção russa mantém-se na competição, mas um incidente no estádio no jogo de ontem pode precipitar a saída mais cedo. E em Lille, foram captadas imagens de adeptos ingleses a atirar moedas ao chão, num gozo com crianças imigrantes que lutam para as alcançar.

Partilhar

Partilhar

  • França expulsa líder de extrema-direita e das claques russas

    O líder de extrema-direita e da associação de adeptos da Rússia vai ser expulso de França, no seguimento da violência que se registou por ocasião no Inglaterra-Rússia (1-1), em Marselha. Alexander Shprygin integra um grupo de 20 adeptos da seleção russa que estão a ser expulsos de França na sequência dos desacatos deste sábado.

  • Onda de violência em Lille termina com 16 feridos e 36 detidos

    Dezasseis pessoas ficaram feridas e mais de três dezenas foram detidas numa nova onda de violência em Lille, no norte de França. A polícia usou gás lacrimogéneo e carregou sobre adeptos ingleses e russos que voltaram a envolver-se em confrontos que duraram várias horas. A Russia já veio dizer que a detenção de adeptos do país é "absolutamente inaceitável".