Euro 2016

Perfil

Quem é o inglês da final? Duarte Gomes explica

Árbitro escolhido para arbitrar o jogo de hoje entre Portugal e França é o inglês Mark Clattenburg

Duarte Gomes

Mark Clattenburg foi o escolhido para arbitrar a final deste domingo entre Portugal e França

ROBERT GHEMENT / EPA

Partilhar

Mark Clattenburg foi o escolhido pelo Comité de Arbitragem da UEFA para arbitrar a grande final de hoje, entre Portugal e a França, no Stade de France, em Paris.

O árbitro inglês (Newcastle), de 41 anos, está a realizar um final de época brilhante, tendo arbitrado em Maio último a Final da Liga dos Campeões entre o Real e o Atlético de Madrid.

Repete assim o trajeto do português Pedro Proença em 2012 ao arbitrar duas finais europeias na mesma época desportiva.

Antes disso tinha já dirigido a final da Supertaça europeia (2014) e a Final, em futebol, dos Jogos Olímpicos (2012).

Clattenburg é o mais categorizado e respeitado árbitro inglês da atualidade, substituindo nessa linha o não menos conceituado Howard Webb, retirado há algum tempo.

O antigo eletricista, agora dedicado a negócios imobiliários e à arbitragem profissional, tem vasta experiência, não apenas pelos jogos internacionais de relevo dirigiu mas sobretudo por arbitrar todas as semanas, ao mais alto nível, naquela que é justamente considerada a liga mais competitiva do mundo.

Fisicamente muito forte, movimenta-se com competência, o que lhe permite não apenas estar próximo das jogadas mas sobretudo posicionar-se bem. Esta caraterística aumenta a sua credibilidade em campo e confere-lhe o respeito de todos os agentes desportivos.

Dialogante quando necessário e interventiva sempre que se justifica, a equipa de arbitragem de mais logo (Viktor Kassai será o 4' Árbitro) é garante de qualidade e competência acrescida.

Que vença com mérito a melhor equipa e que a melhor equipa seja a nossa.

Viva Portugal!