Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Morreu Carlos Alberto Torres, capitão do Brasil no México 70

O capitão da seleção brasileira que conquistou o Mundial de 1970 morreu na tarde de terça-feira, no Brasil. Tinha 72 anos

Lusa

A festa de Carlos Alberto no Mundial de 70

Getty

Partilhar

Carlos Alberto Torres, capitão da seleção brasileira de futebol que conquistou o tricampeonato no Mundial de 1970, morreu hoje aos 72 anos, anunciou o canal brasileiro SporTV, onde era comentador.

O antigo jogador, que era lateral direito na seleção liderada por Pelé, morreu vitimado por um enfarte fulminante, acrescentou a SporTV.

Segundo a TV Globo, Carlos Alberto Torres estava em casa acompanhado do amigo e também comentador Ricardo Rocha, antigo jogador do Sporting, quando começou a se sentir mal - chegou a ser encaminhado para o hospital, mas não resistiu.

O momento mais alto da carreira foi justamente o Mundial do México 1970, marcando um dos golos da final em que o Brasil ganhou à Itália por 4-1.

Além da seleção, teve uma carreira de sucesso nos clubes por que passou, Santos, Botafogo e Fluminense.

Miguel Tovar

Foi tricampeão carioca pelo Fluminense (1964, 1975 e 1976) e pentacampeão paulista na equipa do Santos (1965, 1967, 1968, 1968 e 1973).

Depois de se retirar, em 1982, quando já jogava pelo Cosmos de Nova Iorque, iniciou a carreira de treinador com o título brasileiro de 1983 com o Flamengo.

Passou por diversos clubes até ao Paysandu em 2005, o seu último clube na profissão.