Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Neymar perde recurso e terá que explicar ida para o Barcelona em tribunal

Grupo de investidores diz que jogador, Barcelona e Santos esconderam os valores reais da transferência do avançado brasileiro

Evandro Furoni

Clive Rose/Getty

Partilhar

O avançado Neymar não conseguiu escapar da Justiça espanhola. O recurso do jogador do Barcelona no caso de corrupção e fraude que envolve a sua transferência para a equipa catalã foi recusado pelo Supremo Tribunal da Espanha, informa o jornal brasileiro “Folha de São Paulo”.

O caso é parte de um processo iniciado pelo grupo financeiro DIS, dono de parte dos direitos de Neymar quando o avançado jogava no brasileiro Santos. A empresa afirma que recebeu menos dinheiro do que deveria quando o jogador trocou o Brasil pela Espanha.

A DIS tinha direito a 40% do valor total da transferência de Neymar, avaliada publicamente em €57,1 milhões. Uma investigação feita na Espanha apontou que o valor pago pela equipa catalã foi de ao menos €83,3 milhões. Este caso motivou a saída do presidente Sandro Rosell do Barcelona em janeiro de 2014.

Barcelona, Neymar e Santos terão que responder se algum valor foi escondido durante a negociação. A mãe do jogador, Nadine Gonçalves, e a empresa da família, a N&N, também tiveram as apelações recusadas e terão que responder no tribunal.