Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Federação inglesa instaura inquérito a Moyes por prometer uma “bofetada” a uma jornalista

David Moyes é treinador do Sunderland, o último classificado da Premier League

Lusa

LINDSEY PARNABY

Partilhar

A Federação Inglesa de Futebol instaurou hoje um inquérito disciplinar ao escocês David Moyes, treinador do Sunderland, lanterna vermelha da liga inglesa.

Em causa estão as ameaças de Moyes a uma jornalista, atitude que motivou o técnico a um pedido de desculpas.

O treinador, de 53 anos, ameaçou esbofetear a jornalista Vicki Sparks, da BBC, depois do jogo com o Burnley, em 18 de março.

O treinador do Sunderland lamentou ter ameaçado Vicki Sparks, justificando que a ameaça "saiu no calor do momento" e que não revelava "o tipo de pessoa" que considera ser.

A jornalista da BBC, que não apresentou queixa, tinha perguntado ao treinador se se sentia mais pressionado pela presença do dono do clube, Ellis Short, na bancada, o que Moyes negou antes de lhe dizer para "ter cuidado".

"Ainda podes levar uma bofetada, mesmo sendo mulher. Tem cuidado da próxima vez que apareceres", atirou o técnico, numa altura em que pensava que as câmaras já estavam desligadas.

A FA considerou os termos "impróprios e ameaçadores", dando o prazo até 03 de maio para Moyes apresentar a sua defesa.