Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Treinador do Leipzig: “Estou à espera de um FC Porto muito forte, principalmente no ataque”

Ralph Hasenhuttl elogiou o “bom treinador” do FC Porto e os “jogadores cada vez mais unidos” num conjunto “mais forte” do que nos anos anteriores

Lusa

Partilhar

O treinador do Leipzig, Ralph Hasenhuttl, assumiu que só vencendo na terça-feira o FC Porto poderá sonhar com os oitavos de final da Liga dos Campeões de futebol e reconheceu que espera “muitas dificuldades” frente aos portugueses.

“Se queremos continuar a competir e lutar pelo apuramento, temos de ganhar os nossos jogos em casa. Os nossos jogadores estão altamente concentrados”, garantiu o técnico.

Um empate caseiro com o Mónaco (1-1), de Leonardo Jardim, e derrota 2-1 em Istambul frente ao Besiktas, de Quaresma e Pepe, deixa os teutónicos com apenas um ponto, tantos quanto os monegascos, enquanto os turcos lideram com seis e os ‘dragões’ somam três.

“Estou à espera de um FC Porto muito forte, principalmente no ataque. Não lhes podemos conceder oportunidades de golo. Precisamos fechar bem os espaços”, alertou, antes do segundo desafio perante os seus adeptos.

O vice-campeão alemão segue no terceiro lugar no campeonato germânico e vem de inspirador triunfo, por 3-2, no terreno do líder, o Borussia Dortmund, um “impulso” no moral do grupo antes de voltar às competições Europeias.

“Se fizermos o mesmo que em Dortmund, podemos celebrar a nossa primeira vitória na Liga dos Campeões. Seria bom”, disse o técnico, responsável pela estreia do clube na prova milionária da UEFA.

No ataque ao ‘dragão’ o treinador conta com o ex-sportinguista Bruma, um reforço que se tem exibido “cada vez melhor”.

“É bom vê-lo em forma. Quando o contratámos foi com a perspetiva de nos ajudar. É o que está a acontecer”, congratulou-se.

O avançado luso garantiu máxima “concentração” da equipa para o desafio com o FC Porto, adversário que espera entre em campo “motivado e com a mesma atitude que teve no Mónaco”, que resultou em vitória 3-0 no principado.

“Mas não será um jogo fácil para eles aqui”, avisou, assumindo que a sua experiência em Leipzig está a “correr bem” e motivado a “dar alegrias” aos adeptos que o fazem sentir “em casa”.

Bruma diz que o Leipzig tem de “dar tudo em casa” e reconheceu que o êxito em Dortmund foi importante tónico que o grupo precisava antes de defrontar os portistas.

Do FC Porto elogiou o “bom treinador” e os “jogadores cada vez mais unidos” num conjunto “mais forte” do que nos anos anteriores.

“É uma equipa muito forte. Tem Brahimi, tem Aboubakar e pode desequilibrar a qualquer momento. Estamos focados no jogo, queremos os três pontos e lutar pela nossa equipa”, concluiu.

O FC Porto defronta o Leipzig a partir das 19:45 de terça-feira, num encontro que terá arbitragem do italiano Paolo Tagliavento.