Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Abidal: “Um dia fiz um vídeo para a equipa e sabes o que o Messi me disse? ‘Não envies mais, faz-nos mal’. Diziam que eu parecia um cadáver”

Eric Abidal sofreu o que ninguém deve sofrer e não se esquece. Em entrevista a Olivier Dacourt, outro ex-jogador, o antigo defesa do Barcelona recorda a dor e o dia em que decidiu fazer algo que pudesse encorajar a equipa

Expresso

Partilhar

A carreira de Eric Abidal parou abruptamente quando lhe foi diagnosticado um tumor. “É um sofrimento que não desejo a ninguém, mas ninguém mesmo”, diz Abidal em entrevista a Olivier Dacourt, na qual confessa a dor e os momentos que se seguiram ao transplante hepático.

“A dor fica entranhada para sempre. Foi como um vulcão. Um dia, chegaram-se ao pé de mim e disseram-me que tinha de ser operado novamente, eu agradeci. Foi um sofrimento que não desejo a ninguém, a ninguém mesmo”.

Abidal, então jogador do Barcelona, decidiu, por outro lado, fazer um vídeo para encorajar os colegas de equipa antes de um grande jogo. “Queria dizer-lhes: ‘rapaziada, está tudo bem, estou convosco’. Sabes o que o Messi me disse? ‘Não envies mais, faz-nos mal’. Mas eu não via isso, achava que estava tudo bem, só que disseram que eu parecia um cadáver”.