Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Rúben Semedo é acusado de tentativa de homicídio e fica em prisão preventiva

O jogador português é suspeito de tentativa de homicídio, de acordo com o Gabinete de Comunicação do Tribunal Superior da Comunidade Valenciana. O jogador português compareceu perante uma juíza na manhã desta quinta-feira, em Valência, que lhe decretou prisão preventiva. A informação foi confirmada à Tribuna Expresso por Catió Baldé, empresário de Rúben Semedo

Diogo Pombo

STRINGER

Partilhar

Rúben Semedo, jogador português do Villarreal, é suspeito de tentativa de homicídio. O defesa central foi ouvido na manhã desta quinta-feira no Tribunal em Llíria (Valência), no âmbito do caso do alegado sequestro que, até ao momento, se julgava ser de agressão, assalto de um homem e posse de arma.

Cerca de meia hora após a juíza decretar prisão preventiva para Semedo, informação que foi confirmada à Tribuna Expresso por Catió Baldé, empresário do internacional sub-21 português, o Twitter do Gabinete de Comunicação do Tribunal Superior da Comunidade Valenciana informava que o jogador é também suspeito de tentativa de homicídio.

O jogador vai continuar detido sem direito a fiança, revelou o tribunal, pela mesma via.

O representante revelou que ainda se ia reunir com os advogados do defesa central, escusando-se a comentar mais o caso e adiando para meio da tarde uma declaração oficial sobre a decisão da justiça espanhola.

O futebolista chegou esta manhã ao Tribunal usando algemas, depois de ter sido detido na passada terça-feira por posse de arma proibida, sequestro, ofensas à integridade física e roubo.