Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Há 14 milhões e uma confissão a separar Ronaldo do fisco espanhol

As autoridades fiscais de Espanha pedem 24 milhões de euros ao jogador português do Real Madrid

Lusa e Expresso

CHRISTIAN BRUNA

Partilhar

O fisco espanhol rejeitou a proposta de acordo de Cristiano Ronaldo. O internacional português tinha oferecido 14 milhões de euros ao fisco espanhol, mas a entidade exige a totalidade da fraude ou seja 28 milhões.

É esperada agora a reação de Cristiano Ronaldo, que além de ter de pagar a quantia, tem de reconhecer que cometeu um crime fiscal.

Se o processo avançar na justiça, a pena para o jogador português pode chegar aos oito anos de prisão.