Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

O que se passa com o relvado do Tondela?

A resposta do clube é simples: nada. “É apenas uma questão estética, porque o relvado está em condições e foi aprovado pela Liga”, explica ao Expresso um responsável, rejeitando a ideia de que o Benfica se tenha queixado do campo onde vai jogar sábado (20h30, SportTV1)

Mariana Cabral

O relvado do Estádio João Cardoso está assim

DR

Partilhar

Está tudo pronto no Estádio João Cardoso para aquele que é provavelmente o maior jogo que a região já acolheu: o Tondela-Benfica, da 1ª jornada da Liga 2016/2017, sábado (20h30, SportTV1). Pelo menos é isso que garante Vítor Ramos, diretor de comunicação do clube, ao Expresso, depois de hoje o jornal “Record” ter noticiado que o Benfica teria ameaçado que faltaria ao jogo se o relvado não estivesse em condições.

“O Tondela não recebeu qualquer tipo de comunicação do Benfica sobre o jogo, nem formal nem informalmente”, assegurou Vítor Ramos. “A única coisa que se passa no relvado é que tem algumas 'manchas' na linha de fundo. É apenas uma questão estética, que garantimos que não prejudica em nada o espectáculo”.

A razão para a falta de relva em algumas zonas do campo é simples, explica Vítor Ramos. “A região tem sofrido com as temperaturas à volta de 40 graus e tem havido alguns incêndios. Com a fumaça, a relva não respira bem e não há rega que a salve, até porque demasiada cura também mata”.

Ainda assim, apesar do aspeto menos cuidado, o relvado foi aprovado pela Liga, diz o diretor de comunicação do Tondela. “A Liga esteve cá a fazer uma vistoria a 1 de agosto e foi tudo aprovado. E a dia 3 tivemos a nossa apresentação aqui, contra o Vitória de Setúbal, e não houve problema nenhum. Até foi um belo jogo”, conclui.