Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Manuel Machado e a “tormenta” do Nacional

O treinador do Nacional da Madeira que perdeu este sábado por 3-1 com o Benfica, na Choupana, reconhece alguns erros, mas elogia os seus jogadores pela organização que mostraram em campo

Expresso

FRANCISCO LEONG

Partilhar

Apesar de reconhecer "alguns erros" do Nacional, no jogo deste sábado contra o Benfica, na Choupana, Manuel Machado considera que os seus jogadores "fizeram um excelente jogo",. Mais ainda tendo em conta que defrontaram uma equipa como o Benfica,"de um nível diferente".

"A equipa esteve muito organizada. Em nenhum momento a equipa entregou o jogo ao Benfica", concluiu.

Ainda que tenham perdido por três golos, o técnico da equipa da Madeira defende que "em termos de jogo jogado", as duas equipas estiveram equilibradas. E reforça o elogio aos seus jogadores pela "organização, espírito combativo, pela estratégia".

Manuel Machado lembra que um terço do plantel não está disponível para jogar, o que se traduz numa "tormenta" pela qual o Nacional está a passar. Mas diz esperar que no futuro tenham "uma equipa bem melhor, com um rendimento mais elevado". O panorama pode ainda "agudizar-se mais", lembra, se for grave a lesão de Ali Ghazal, que acabou por sair do jogo.

O jogo desta noite na Choupana terminou com três golos do Benfica, um deles um autogolo do Nacional e os outros dois marcados por Carrillo e Jiménez. O Nacional conseguiu um golo aos 64 minutos, marcado por Tobias Figueiredo.