Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Erwin Sanchez: “A minha educação ainda me permite ter alguma paciência”

O treinador do Boavista felicitou os seus jogadores mas teceu algumas críticas à arbitragem

Expresso

Comentários

JOSE COELHO/Lusa

Partilhar

Erwin Sanchez deixou entender que não ficou contente com a arbitragem do jogo desta sexta-feira, no Estádio do Dragão. Em declarações à SportTV, no final da partida, o treinador do Boavista lembrou que é mais difícil jogar contra mais do que os 11 que estão em campo.

“Tenho de dar os parabéns aos meus jogadores, meteram o pé e lutaram. Jogar aqui contra onze é complicado, contra mais é ainda mais [complicado]”, disse Sanchez.

Quando questiona sobre a quem se referia, o técnico do Boavista respondeu: “A ninguém. Somos inteligentes, não precisamos de nomes. O resultado é bonito, não gosto de me expressar assim, mas a minha educação ainda me permite ter alguma paciência. Só quero fazer o melhor dentro de campo”.

O Boavista perdeu frente ao FC Porto por 3-1.