Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Capucho, you're fired (a quarta chicotada da época em 10 jornadas)

O jovem treinador não resistiu a uma série de maus resultados ao comando da equipa de Vila do Conde

Lusa

FRANCISCO LEONG

Partilhar

O treinador Nuno Capucho é o quarto a deixar o comando técnico de uma equipa na I Liga portuguesa de futebol, cumpridas que estão dez jornadas, ao rescindir contrato por mútuo acordo com o Rio Ave.

Capucho deixa os vila-condenses no 11.º lugar, com dez pontos, os mesmos de Feirense e Estoril-Praia, depois de no último fim de semana terem sido derrotados em casa pelo Boavista, por 2-1.

O Rio Ave conta com uma sequência de sete jogos sem vencer, desde 18 de setembro, contabilizando desde então quatro derrotas e um empate na I Liga, e a eliminação na Taça de Portugal frente ao Santa Clara (da II Liga).

Na Taça da Liga, a equipa conseguiu um lugar na fase de grupos, apurando-se depois de um empate em casa com o Chaves (1-1), mas que acabou por 'resolver' nas grandes penalidades (3-1).

O último triunfo dos vila-condenses aconteceu há quase dois meses, quando a equipa, a jogar no Estádio dos Arcos, em Vila do Conde, surpreendeu ao vencer o Sporting por 3-1, num jogo em que ao intervalo já tinha uma vantagem de 3-0.

Nuno Capucho chegou ao Rio Ave esta época, substituindo Pedro Martins (atualmente no Vitória de Guimarães), proveniente do Varzim, equipa que terminou a II Liga da última temporada em nono lugar.

Partilhar