Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Carlos Ponck: “A ideia era ganhar”

Depois de marcar o golo que deu o apuramento ao Chaves para as meias-finais da Taça de Portugal, Carlos Ponck garantiu que a equipa vai lutar para chegar ao Jamor - e revelou como os flavienses andaram a treinar as bolas paradas

Expresso

PEDRO SARMENTO COSTA/LUSA

Partilhar

Carlos Ponck, o autor do golo do Desportivo de Chaves, em declarações na flash interview da SportTV, após a vitória da sua equipa por 1-0 sobre o Sporting, salientou que os jogadores “apostaram tudo nas bolas paradas" e que o golo acabou por acontecer na sequência de um livre.

“Ainda não sei como explicar, só sei sentir a importância do golo", confessa o jogador que admite que “o forte da equipa são as bolas paradas e que treinaram [este tipo de lances] durante a semana”.

Ponck referiu também que “a ideia era ganhar, ao jogar o nosso jogo e fazer o que andávamos a fazer”. Admite que a equipa acabou “por ter sorte”, mas que agora “jogo a jogo, vai lutar com tudo e com as mesmas armas para chegar à final”.

O jogador aproveitou ainda para enaltecer o apoio dos adeptos, que deram “uma força incrível” à equipa transmontana.