Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Caso Feirense-Rio Ave. Aposta investigada a nível europeu

O Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos já alertou outros reguladores europeus sobre o caso. O MP, por sua vez, ainda está a recolher elementos para decidir se avança com um inquérito

Expresso e Lusa

SUCESSO. Lançado pela Santa Casa em setembro, o Placard permite fazer apostas diárias em jogos de futebol, ténis ou basquetebol

d.r.

Partilhar

O Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos anunciou esta terça-feira que já alertou outros reguladores europeus para o caso de alegadas irregularidades nas apostas desportivas sobre o jogo entre o Feirense e o Rio Ave.

“O SRIJ está agora a averiguar em detalhe o ocorrido nas apostas efetuadas naquele jogo, tendo inclusive estabelecido contactos com outros reguladores europeus que também alertaram para esta situação”, afirma o SRIJ em comunicado.

Segundo o regulador, perante as suspeitas foram desde logo notificadas as entidades exploradoras para retirarem essa competição das respetivas listas para apostas.

Entretanto, o Ministério Público afirmou que não recebeu ainda nenhuma queixa ou denúncia relativa a alegadas apostas ilegais no jogo Placard, sublinhando contudo que está a recolher elementos para decidir se avança com um inquérito.

“Não foi recebida, até ao momento, qualquer comunicação relativa a este assunto. O Ministério Público encontra-se a recolher elementos tendo em vista decidir se existe ou não matéria para a instauração de inquérito”, explica a Procuradoria-Geral da República, em resposta escrita enviada hoje à agência Lusa.

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa suspendeu na segunda-feira as apostas no Placard referentes à partida entre o Feirense-Rio Ave, da I Liga de futebol, que a equipa de Santa Maria da Feira venceu nessa noite por 2-1.