Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

15 dias depois da paragem cardíaca, Djerman Évora voltou a casa

O jogador do Sporting de Viana do Alentejo teve alta do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE)

Lusa

D.R.

Partilhar

O futebolista cabo-verdiano Djerman Évora, do Sporting de Viana do Alentejo, já teve alta hospitalar, duas semanas depois de ter sofrido uma paragem cardíaca após uma indisposição num treino da equipa, disse hoje fonte do clube.

A mesma fonte adiantou à agência Lusa que o atleta de 29 anos deixou o serviço de cardiologia do Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) na segunda-feira, às 19h00, e foi para casa.

Segundo a fonte, o jogador vai continuar a fazer exames médicos, sendo acompanhado por um especialista em medicina desportiva.

Djerman sofreu, no dia 7 deste mês, uma paragem cardíaca no centro de saúde de Viana do Alentejo, no distrito de Évora, para onde tinha sido levado após sentir uma indisposição no treino da equipa, tendo sido transportado para o hospital de Évora.

Além do Sporting de Viana, o médio Djerman já alinhou no Juventude de Évora e no Atlético de Reguengos, entre outras equipas portuguesas.

O Sporting de Viana do Alentejo disputa a fase da manutenção do Campeonato de Portugal.

Partilhar