Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Ricardo Soares confirma saída do Chaves

O treinador confirmou que vai abandonar o Desportivo de Chaves no final da época - e é provável que seja substituído por Luís Castro, atual treinador do Rio Ave

Lusa

JOSE COELHO/LUSA

Partilhar

O treinador do Desportivo de Chaves, Ricardo Soares, confirmou que vai mesmo deixar o comando técnico do clube flaviense no final da presente temporada, mas deixou ainda em aberto o seu futuro para a próxima época.

Em declarações prestadas na conferência de imprensa após o desaire dos transmontanos diante do Estoril-Praia, por 2-1, em jogo da 32ª jornada da I Liga, o técnico, de 42 anos, sublinhou que a decisão já estava tomada há algum tempo, bem antes de começarem a circular rumores do fim da ligação entre as duas partes.

"Sim, confirmo [a saída do clube]. No final desta época não serei mais treinador do Desportivo de Chaves. É um excelente clube, com excelentes adeptos e que me proporcionou trabalhar na I Liga. Estarei eternamente grato", começou por referir.

Ricardo Soares garantiu ainda que a saída do Chaves partiu da sua iniciativa e que não foi uma decisão fácil de tomar. "Acabo por não ficar fruto de uma decisão minha e que conversei com o presidente. Um líder tem de tomar decisões. Custou-me muito tomar esta decisão, mas entendi que era o melhor para mim e para o clube", sentenciou.

Ricardo Soares assumiu o comando do Chaves à 15ª jornada, com um triunfo sobre o Estoril-Praia, por 1-0, a 22 de dezembro de 2016, depois de ter iniciado a época no segundo escalão ao leme do Vizela. Na liderança dos flavienses somou já quatro vitórias, seis empates e oito derrotas.

De acordo com a imprensa desportiva desta terça-feira, Ricardo Soares deve assumir na próxima época a liderança do Desportivo das Aves, que já tem a subida garantida, enquanto Luís Castro, atual treinador do Rio Ave, deverá rumar a Chaves.

Partilhar