Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Abel Ferreira discutiu o jogo mas não discute a vitória do FC Porto

“Parabéns ao FC Porto porque foi um justo vencedor”, considera o treinador do Sporting de Braga.

Expresso

HUGO DELGADO/EPA

Partilhar

O Sporting de Braga vinha “de uma semana desgastante”, depois do jogo de quinta feira na Liga Europa, e sabia que “o FC Porto ia entrar forte”. Assim foi. Mas “discutimos o jogo e o resultado até ao fim”, analisa o treinador dos minhotos, Abel Ferreira. O que não discute é a vitória do FC Porto, por 1-0. “Foi um justo vencedor”.

"Enquanto tivemos forças e conseguimos discutir o jogo e o resultado tentámos”.

Na primeira parte, “tivemos oportunidades em que nos faltou só a última decisão”, mas, na segunda parte, com a entrada de André André, Otávio e Herrera, o FC Porto “fechou com posse”, prossegue Abel Ferreira. “Tirando os últimos 10 minutos o jogo esteve sempre aberto até ao fim”. Só que houve um golo, que, para o treinador do Braga, “acaba por ser um grande lance individual do Corona”.

“Também tivemos muitas oportunidades”, concordou Marcelo Goiano, defesa do Braga, ainda em declarações à SportTV. “Foi um jogo bom, bem disputado, entre duas equipas que quiseram ganhar”, o que leva o jogador a considerar que, nesse aspeto, “as duas equipas saíram vencedoras.”

Marcelo Goiano continua confiante no futuro do Sporting de Braga, que em quatro jornadas já enfrentou o Benfica e o FC Porto. “Estamos no caminho certo, vamos continuar a trabalhar até ao fim”.