Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Vítor Oliveira: “Foi um grande chouriço que definiu o jogo”

Vítor Oliveira, treinador do Portimonense, não quis deixar de elogiar o desempenho dos seus jogadores, que, face a uma “grande equipa” como o Benfica, conseguiram colocar “muitas dificuldades”

MIGUEL A. LOPES/LUSA

Partilhar

No final do jogo contra o Benfica, esta sexta-feira, Vítor Oliveira, treinador do Portimonense, era um homem derrotado. “Penso que poderíamos ter saído com outro resultado, não fosse um grande chouriço que definiu o jogo. Mas o futebol é isto. É uma pena ver a tristeza deles no balneário, mas vamos tentar ser melhores no próximo jogo.”

Vítor Oliveira não quis deixar de elogiar o desempenho dos seus jogadores, que, face a uma “grande equipa” como o Benfica, conseguiram colocar “muitas dificuldades”. O “sentimento de injustiça” é, por isso, “muito grande”, confessou em entrevista à BTV, no final do jogo.

Sobre os elogios do treinador do Benfica antes do jogo, disse: “É a opinião de Rui Vitória, um treinador pelo qual tenho muito respeito e amizade e que tem um percurso brilhante no futebol português. É sempre bom ouvir elogios de colegas”.