Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Rui Pedro Soares apresenta Silas como novo treinador do Belenenses comparando-o a Marco Silva e André Villas-Boas

O novo treinador do Belenenses ainda não tem experiência enquanto treinador principal, mas o líder da SAD do clube confia no nome apresentado oficialmente esta sexta-feira

Expresso

José Caria

Partilhar

"É um símbolo deste clube e gosta do Belenenses". Foi assim que Rui Pedro Soares apresentou, esta sexta-feira, Silas como novo treinador do clube lisboeta, substituindo no cargo Domingos Paciência.

O ex-jogador do Belenenses entre 2005/06 e 2008/09 assinou até junho de 2019, naquela que será a sua primeira experiência enquanto treinador. "Tenho noção do desafio e da responsabilidade que é. Sou de Lisboa e cresci a ver um Belenenses importante. Sempre sonhei jogar aqui e sempre quis treinar o Belenenses, nunca pensei é que fosse tão rápido", admitiu o ex-jogador de 41 anos.

Antes, Rui Pedro Soares já tinha explicado que Silas não é nenhum desconhecido em Belém. "Há dois ou três meses que trabalhávamos na construção da nossa equipa B", revelou, acrescentando que Silas iria treinar essa equipa na próxima época.

O presidente da SAD diz que reconhece ao novo treinador "capacidade e potencial" e diz que a experiência é relativa, ao recordar os inícios das carreiras de Marco Silva e André Villas-Boas enquanto treinadores principais, no Estoril e na Académica, respetivamente.

O Belenenses ocupa atualmente o 11º lugar da Liga, com 19 pontos em 18 jogos. Sábado, defronta o Marítimo, 6º classificado, na Madeira (16h, SportTV1).