Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Jorge Simão: "É uma vitória inquestionável do Benfica, mas por números exagerados"

O treinador do Boavista admitiu, sem problemas, a justiça do resultado, dizendo que nunca sentiu que a equipa teve o controlo do jogo e que podia ter feito um golo na segunda parte

Expresso

MÁRIO CRUZ/LUSA

Partilhar

Os excessos no resultado

"Curto e simples: vitória justa do Benfica, números exagerados, acho que merecíamos um golo pela boa segunda parte, depois de uma má primeira parte.

Nunca senti que controlássemos o jogo na primeira parte. Limitámo-nos a jogar no meio campo defensivo, não tivemos capacidade de ter a bola controlada e chegar ao último terço do Benfica, com condições para fazer golo. A vantagem do Benfica era justa. Na segunda parte melhorámos bastante, tivemos algumas situações para fazer golo, não conseguimos. É uma vitória inquestionável do Benfica, como disse, mas por números exagerados."

Um Boavista a olhar para a Europa?

"Ninguém do Boavista falou na meta dos 30 pontos. O nosso objetivo, como tenho dito, é dar passos sólidos e consistentes para, a curto prazo, o Boavista dar mais um salto rumo aos seus objetivos. Acho que o temos conseguido fazer para, daqui a dois ou três anos, lançarmos um objetivo europeu.

Neste momento, o objetivo é fazermos o melhor para estarmos sempre mais perto de vencer os jogos e ir somando pontos até ao final do campeonato."