Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Jesus: “Está mais difícil, não vamos estar aqui a inventar”

As declarações de Jorge Jesus depois da derrota no Dragão (2-1), que deixou o Sporting a oito pontos do líder FC Porto, a nove jornadas do final da Liga portuguesa

Expresso

JOSÉ COELHO/LUSA

Partilhar

Jorge Jesus em discurso direto:

Falta de eficácia

"Devíamos ter feito os golos que criámos. Jogando no Dragão e teres as oportunidades que tiveste, principalmente nos últimos 10 minutos... A do Leão, a do Montero, se bem que a do Montero é uma excelente defesa do Casilas, e a do Bryan... Portanto três oportunidades flagrantes, fora as do Doumbia na 1ª parte.

Foram duas grandes equipas, foi um grande jogo, não conta se mereces ou não. Fomos melhores, principalmente na 1ª parte, mas saímos daqui com uma derrota. Não se consegue com tanta facilidade no Dragão criar estas oportunidades mas não as conseguimos concretizar."

Golo de Rafael Leão

"O Sporting esteve muito bem, fez um excelente jogo, e também fez com que aparecesse mais um jovem, o Leão ainda é júnior, e isso também é um dado positivo para a equipa. E as três substituições acrescentaram sempre mais ao Sporting. Às vezes mexemos e não acrescentamos nada, mas hoje sim.

E o que posso dizer mais? Não posso dizer mais nada. Triste pelo resultado e não pela exibição da equipa. De cinco para oito pontos ficamos numa situação muito mais difícil.

É verdade que nós mexemos no jogo na 2ª parte e tivemos oportunidades e estivemos por cima no jogo, o Porto já não nos conseguia travar praticamente na última meia-hora, fisicamente estávamos mais soltos e menos ansioso, mas não conseguimos marcar."

Aposta na Liga Europa

"Todos estes jogos com rivais são equilibrados e agora vais ter a Liga Europa... se tens oportunidades de golo e não as fazes és penalizado. Não vale a pena falar nas ausências do Gelson e do Bas Dost, são jogadores que têm 30 e tal golos, mas a equipa fez um dos melhores jogos fora de Alvalade, não é fácil ser o melhor no Dragão. Parabéns aos jogadores e foi um grande jogo, três golos e muitas oportunidades de golos. E não posso dizer mais nada.

Está mais difícil, não vamos estar aqui a inventar. Ainda há 27 pontos em disputa e ainda tudo é possível. Há uma luta muito grande ainda no campeonato e noutras competições em que o Sporting vai investir. Quinta-feira o Gelson ja estará e o Bas não sei, mas acho que ganhámos mais um jogador. Ainda tem idade de júnior mas está-se a revelar com capacidade e é para isso que também estou cá. Só não o coloquei de início porque o Porto tem dois centrais muito fortes e tive receio que o miúdo começasse a ter medo no jogo. Sabia que ia metê-lo, entrou mais cedo do que eu pensava e fez logo um golo. Isto é sinal de ponta de lança."