Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Uma lição sobre Bruno de Carvalho e Sérgio Conceição

Sporting e FC Porto decidem esta quarta-feira, a partir das 20h30 em Alvalade, um dos lugares na final da Taça de Portugal. Jorge Silvério, especialista em Psicologia do Desporto, explica de onde vem o segredo de Conceição e o lugar que Bruno de Carvalho deve ocupar no dia do jogo

Isabel Paulo

Partilhar

O apuramento para a final da Taça de Portugal é mais importante para o Sporting ou para o FC Porto?
Neste momento, e face ao contexto de conflito vivido em Alvalade, julgo que um desaire será mais dramático para o Sporting. A cinco pontos do FC Porto na Liga, a três do Benfica, não sendo impossível é muito difícil ganhar o título nacional. Analisando a frio, é o único troféu ainda passível de ser conquistado sem depender de terceiros.

O Sporting já ganhou a Taça da Liga esta época e o FC Porto está quase há quatro épocas em jejum absoluto de títulos. A pressão maior está do lado de Jorge Jesus ou de Sérgio Conceição?
Claramente do lado de Jorge Jesus. Apesar de apresentar títulos e troféus no currículo, tem uma carreira longa e mudou de clube com o objetivo de provar que era capaz de ganhar títulos sem ser apenas no Benfica. E uma Taça de Portugal e uma Taça da Liga são pouco para as suas ambições e dos sportinguistas. Sérgio Conceição, não sendo um novato, está em início de carreira, lidera o campeonato e na sua primeira época no FC Porto só depende de si para ser campeão nacional. E tem a dobradinha ao seu alcance, até porque joga com um golo de vantagem da primeira mão.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)