Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Costinha renova com o Nacional e não pensa na manutenção: quer a Europa

O treinador que levou o Nacional a conquistar a 2ª Liga - e, consequentemente, a subir à 1ª Liga em 2018/19 - vai continuar na Madeira e já traçou metas ambiciosas

Lusa

Partilhar

O treinador do Nacional, Costinha, renovou o contrato com o emblema que regressou à I Liga de futebol e que se sagrou campeão nacional da II Liga, anunciou o clube insular.

"Ficou tudo acertado numa reunião mantida esta tarde entre presidente e treinador, que culminou num acordo válido por mais uma temporada", pode ler-se num comunicado do clube madeirense, no seu sítio oficial na internet.

Segundo o Nacional, o objetivo passa agora por "recolocar o clube no patamar europeu", já antes atingido, propósito assumido por presidente e treinador.

"Foi fácil chegarmos a um acordo, porque o Costinha é uma pessoa equilibrada quando toca a abordar as condições financeiras", afirmou o líder 'alvinegro', Rui Alves, após a assinatura do acordo com o treinador, revelando ainda que havia "uma vontade mútua na renovação", quando, na época passada, assinaram o primeiro acordo.

Apesar de considerar que a equipa estará agora "a um nível mais exigente", o dirigente do clube da Choupana adianta que "o Nacional terá que começar a pensar nos lugares europeus" e será com esse objetivo "que vai começar a 'desenhar' o novo plantel", disse Rui Alves.

"Este foi um contrato natural, que, como já tinha dito, não seria difícil de concretizar, por que tenho muito carinho por este clube e, por isso, foi com muito agrado que o vi ser renovado", disse o treinador que trouxe de volta o Nacional à I Liga.

Sobre o objetivo europeu traçado pelo presidente do clube, Costinha foi esclarecedor: "Eu sou o próprio a ambicionar essa meta. É claro que a manutenção, para qualquer equipa, é sempre a primeira meta a atingir, mas, apesar de estarmos num patamar mais exigente, vamos estar preparados e até obcecados por essa ambição. É verdade que é difícil, mas é também apaixonante."