Tribuna Expresso

Perfil

Jogos Olímpicos

Este é que é o Brasil brasileiro (mas cuidado com a Alemanha)

O Brasil goleou as Honduras nas meias-finais do torneio olímpico de futebol (6-0) e garantiu a presença na final para defrontar uma de duas equipas: Nigéria ou... Alemanha

Mariana Cabral

Os brasileiros tiveram seis razões para festejar esta tarde

Quinn Rooney/Getty

Partilhar

A história começou mal, mas tem tudo para acabar bem. Ou, em alternativa, tem tudo para acabar muito mal. Explicando: a seleção brasileira começou os Jogos Olímpicos com dois empates sem golos perante adversários modestos - África do Sul e Iraque -, mas depois foi melhorando gradualmente os resultados.

Ainda na fase de grupos, goleou a Dinamarca por 4-0 e, nos quartos de final, derrotou a Colômbia por 2-0. E, esta tarde, nas meias-finais da prova, atropelou as Honduras (6-0).

Com golos de Neymar (o golo mais rápido da história dos Jogos, aos 14 segundos, e um penálti mesmo a acabar), Gabriel Jesus (dois), Marquinhos e Luan, os brasileiros venceram sem dificuldade e garantiram presença na final do torneio olímpico.

O problema é que na outra meia-final está um adversário que os brasileiros preferiam não reencontrar: a Alemanha. Os alemães, que eliminaram Portugal, vão defrontar a Nigéria ainda esta noite (20h, Sport TV4) para tentarem chegar à final - e assustar o Brasil com o fantasma dos 7-1 do Mundial-2014.