Tribuna Expresso

Perfil

Lá Em Casa Mando Eu

A análise ao Portugal-Arábia: provavelmente a coisa mais desinteressante que Lá Em Casa Mando Eu viu esta semana, depois da Web Summit

Um concorrente da Casa dos Segredos, um jogador que é uma jovem promessa do futebol português há 15 anos e um ex-benfiquista que tenta ultrapassar Mantorras: foi isto que Catarina Pereira conseguiu ver no Portugal-Arábia Saudita (3-0)

Catarina Pereira, Lá em Casa Mando Eu

O onze de Portugal frente à Arábia Saudita

Octavio Passos/Getty

Partilhar

Anthony Lopes

Imaginem o que o Anthony Lopes não deve ter suado nos treinos para ser titular em vez do guarda-redes que tirou Iker Casillas da baliza por trabalhar muito.

João Cancelo

Desculpem a brevidade da análise, mas esta prestação deve ter sido a coisa mais desinteressante que vi esta semana, a seguir à Web Summit.

Pepe

Este jogo foi tão aborrecido que, nos 55 minutos que jogou, nem sequer deve ter dito uma asneira, evitando assim ser banido dos estádios pela última razão de que estávamos à espera.

Neto

Olha o Neto! Acho que já não o via jogar desde que o governo anterior proibiu a legionella.

Kévin Rodrigues

Kévin Rodrigues é o nome de um conhecido...
a) concorrente da Casa dos Segredos
b) filho de Tony Carreira
c) jogador da seleção nacional
A verdade é que não sabia responder a esta pergunta até às 20h45 desta sexta-feira.

Danilo

Aos 16 minutos, fez um sprint pelo lado direito e surgiu desmarcado, tendo perdido o lance graças à reconhecida competência da Arábia Saudita a defender. Admito que tenha sido a primeira vez que o vi a fazer este movimento, porque normalmente, no FC Porto, não enviamos o médio defensivo em missões suicidas pelo corredor direito do ataque. Mas também confesso que, normalmente, não vejo os jogos da seleção, onde o senhor comendador se pode destacar da concorrência direta pelo simples facto de correr.

João Mário

Não está a ter grande sucesso na sua carreira, foi formado no Sporting, nunca foi lá campeão e há um clube que precisa de reforços em janeiro. Enfim, era só uma ideia.

Manuel Fernandes

Manuel Fernandes marcou o primeiro golo de Portugal frente à Arábia Saudita

Manuel Fernandes marcou o primeiro golo de Portugal frente à Arábia Saudita

FRANCISCO LEONG/GETTY

Fernando Santos fez bem em aproveitar estes dois jogos para chamar algumas jovens promessas do futebol português. Manuel Fernandes não podia faltar, uma vez que há cerca de 15 anos que é uma jovem promessa do futebol português.

Bernardo Silva

Percebo a excitação quando se tem um médio treinado pelo Guardiola, mas apelo aos comentadores para que tentem conter-se mais. Já lhe chega estar em terceiro lugar no ranking dos elogios desmesurados dos benfiquistas, tendo acabado de ultrapassar Akwá e Makukula nos dois dias após as respectivas as contratações, e estando agora empatado com Svilar, mas a perder no desempate por capas d' "A Bola". Para os curiosos jovens sem memória: é Mantorras que permanece no topo, inacessível.

Gonçalo Guedes

Na ausência de Cristiano Ronaldo, fomos buscar o que de mais parecido temos. Calma, calma, não fui raptada por extraterrestres que me obrigam agora a passar a mensagem de que Gonçalo Guedes está a jogar muito bem e é a estrela da Liga espanhola e mais não sei o quê que esses reféns de aliens têm de dizer. Mas acho-os mesmo parecidos em termos de aumento da massa muscular assim que atravessam a fronteira.

André Silva

Ando a ver uma série chamada "Stranger Things", em que, resumidamente, há um universo paralelo onde se passam coisas estranhas e que às vezes se cruza com a realidade. É nesse universo que André Silva é o ponta-de-lança goleador da seleção (coisas estranhas) e, às vezes, porque a Tribuna Expresso assim o exige, eu cruzo-me com essa realidade.

Ricardo

Entrou com muita vontade e fez logo a assistência para o golo de Gonçalo Guedes, mas depois ter-me-á ouvido a gritar-lhe para parar com essas coisas, e parou. Ou isso, ou reconheceu nas bancadas aqueles quatro capangas das Aves que não o queriam a correr muito.

Bruno Fernandes

Nota-se que está confiante para rematar de qualquer lado, como se o grande golo da noite lhe fosse um destino inevitável. Não percebo mesmo o que é que ele tem a ver com o Sporting.

Gelson Martins

Espero que tenha aprendido muito com Manuel Fernandes neste estágio. Que veja no médio do Lokomotiv a voz da experiência e aprenda com ele valores como o profissionalismo, o respeito pela casa que o formou ou a inteligência nas escolhas profissionais.

Edgar Ié

O Rui Malheiro só deve ter visto uns míseros 17 jogos dele, portanto, como é óbvio, não sou eu que venho para aqui opinar.

Bruma

Tem tudo para ser o Manuel Fernandes de 2027, quando já for capitão do Elfsborg e já ninguém se lembrar dele, tipo Diogo Salomão. A boa notícia é que nessa altura pode voltar à seleção num amigável contra a Arábia Saudita!

Rúben Neves

Ficou na retina o momento em que é abraçado pelo senhor comendador antes de entrar em campo. Danilo abraçou-o com um misto de condescendência e incentivo, soprando-lhe ao ouvido: "Força a aturar o Nuno, miúdo".