Tribuna Expresso

Perfil

Liga dos Campeões

Treinador do Nice perdeu a paciência com Balotelli: “Não quero falar dele. Devia ter saído mais cedo”

O Nice foi eliminado do 'play-off' da Liga dos Campeões, terça-feira à noite, pelo Nápoles, e Lucien Favre fez questão de apontar o dedo à "prestação negativa" de Balotelli

Expresso

Balotelli estava a discutir com o quarto árbitro do Nice-Nápoles quando a sua equipa sofreu um golo

VALERY HACHE/GETTY

Partilhar

É certo que as hipóteses de sucesso já eram reduzidas - o Nápoles tinha vencido a 1ª mão, em Itália, por 2-0 -, mas o Nice voltou a perder, terça-feira à noite (2-0), no 'play-off' da Liga dos Campeões e o treinador Lucien Favre não perdoou Mario Balotelli.

"Não quero falar dele. Teve uma prestação negativa e até deveria ter sido substituído mais cedo", admitiu, após o jogo.

"Digo as coisas como as vejo e ele hoje [terça-feira] simplesmente não esteve bem. Não sei o que aconteceu no primeiro golo, ele estava a falar com o quarto árbitro. Uma vez são as chuteiras, outra vez é uma pulseira...", lamentou, referindo-se ao minuto 48, quando o avançado italiano se alheou do jogo para falar com o quarto árbitro, aparentemente por causa de uma pulseira que tinha ao pulso, e o Nice sofreu um golo precisamente nessa altura.

Balotelli acabou por ser substituído aos 77 minutos, sob um coro de assobios dos adeptos locais, que não perdoaram a sua exibição apagada.

O Nice irá agora competir na Liga Europa, enquanto o Nápoles já tem lugar garantido na fase de grupos da Liga dos Campeões.