Tribuna Expresso

Perfil

Liga dos Campeões

FC Porto-Liverpool: lotação esgotada e 3400 adeptos ingleses sob vigilância

PSP classificou o embate no Dragão, quarta-feira, a contar para os oitavos de final da Champions, de risco elevado. No Porto são esperados 3400 adeptos do Liverpool, que serão monitorizados desde a chegada ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro e durante a visita à cidade para evitar desacatos

Isabel Paulo

Partilhar

O Comando Metropolitano do Porto da PSP classifica de 'risco elevado' o jogo entre o FC Porto e o Liverpool, a disputar quarta-feira (19h45, RTP1) no Estádio do Dragão. Para o encontro a contar para a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões está prevista lotação quase esgotada, prevendo-se que 50 mil espectadores assistam ao embate que o FC Porto nunca venceu, embora nunca tenha perdido com os 'reds' em casa.

A operação policial terá início já terça-feira, com a chegada de parte dos cerca de 3400 adeptos do Liverpool, que serão monitorizados e acompanhados desde a sua chegada ao aeroporto Francisco Sá Carneiro, durante a sua permanência na cidade e durante o jogo.

Segundo a PSP, a monitorização dos fluxos de trânsito e de público será feita em tempo real, através de condicionamentos pontuais à circulação automóvel ou pedonal, ou outras que por razões de segurança se justifiquem. Para este acontecimento desportivo, o Comando Metropolitano do Porto da PSP irá empenhar um dispositivo policial considerado adequado às circunstâncias, integrando diversas valências da PSP das quais se destacam efetivos da Divisão Policial da área, Carros Patrulha, Pelotões Operacionais, Equipas de Intervenção Rápida, Equipas da Divisão de Trânsito, a Unidade Metropolitana de Informações Desportivas, Equipas de Prevenção e Reação Imediata (EPRI), Divisão de Investigação Criminal e Força Destacada da Unidade Especial de Polícia.

Elogios de Herrera ao treinador

Para fintar o passado e a invencibilidade do Liverpool - os portistas empataram a zero nas Antas e no Dragão, em 2000/01 e em 2007/08, e perderam em Anfield Road por dois golos, para a Taça UEFA e Liga dos Campeões -, Herrera afirma que se a equipa “não encarar a eliminatória com a atitude correta, não vale a pena jogar”. Em entrevista à UEFA, o internacional mexicano revelou que está confiante e que o FC Porto irá dar o máximo para bater o difícil adversário.

Herrera, que adiantou que a prioridade é a Taça de Portugal e a Liga, também não poupou nos elogios a Sérgio Conceição: “Os seus métodos de trabalho são simples, mas eficazes. Gosto muito da sua personalidade, do seu caráter. Isso é muito importante e era o que estava a faltar no clube”, referiu, acrescentando que, desde o primeiro contacto com o treinador, sentiu que ele confiava nele, mesmo quando não foi opção no início da época.