Tribuna Expresso

Perfil

Liga dos Campeões

Onde ver a Champions e a Liga espanhola a partir de 2018/19? Eis a (grande) confusão

Os direitos da Liga dos Campeões e da Liga Espanhola foram comprados pela Eleven Sports que, por sua vez, os vendeu à NOWO - que, por sua vez, ainda pode vir a revendê-los. O que é que isto quer dizer para o adepto português?

Isabel Paulo

Cristiano Ronaldo na final da Liga dos Campeões 2017/18, conquistada pelo Real Madrid

David Ramos/Getty

Partilhar

A multinacional Eleven Sports adquiriu esta terça-feira os direitos televisivos da Liga dos Campeões e da Liga Espanhola para Portugal, detidos até agora pela SportTV. Quarta-feira, a empresa sedeada em Londres revendeu a transmissão de todos os seus conteúdos à NOWO, que, por sua vez, ainda poderá revender a outras operadoras.

Isto quer dizer que ninguém sabe ao certo em que canal ou formato vão os portugueses assistir aos jogos de FC Porto e Benfica na Champions, ou aos jogos da liga das estrelas do país vizinho, na próxima época.

Até agora transmitidos em exclusivo pela SportTV, os jogos da Liga espanhola para as épocas de 2018/19, 2019/20 e 2020/21 foram comprados pela Eleven Sports, operadora internacional que também comprou os direitos televisivos para Portugal dos jogos da Liga dos Campeões.

24 horas depois de ter desviado à SportTV dois dos seus produtos premium, a Eleven Sports, propriedade de Andrea Radrizzani, revelou ter chegado a acordo com a operadora NOWO para a distribuição dos seus conteúdos em Portugal.

A revenda dos direitos de transmissão de todos os conteúdos da Eleven Sports já foi confirmada pela NOWO, operadora que admite a criação de um novo canal e ainda a possibilidade de revenda dos mesmos a outras operadoras. "O contrato que envolve a Champions contempla 138 jogos por temporada, desde a fase inicial até à final e inclui ainda a Supertaça Europeia (que irá colocar frente a frente o Real e o Atlético de Madrid). O acordo que envolve a Liga Espanhola inclui todos os jogos da La Liga Santander", esclarece o comunicado da NOWO.

GERARD JULIEN/Getty

O Expresso tentou contactar, sem sucesso, a SportTV, para conhecer as razões pelas quais o canal não renovou os direitos contratuais de duas das jóias do seu universo de grandes audiências - ou até se irá agora a jogo para adquirir à linha o que não conseguiu adquirir em pacote.

Ao que o Expresso apurou junto de um dos acionistas da SportTV, os preços das duas competições eram incomportáveis para os canais televisivos portugueses, "o que não significa que a SportTV ou outros canais não venham a adquirir alguns jogos do pacote global da 'La Liga' ou da Champions".

A mesma fonte avança que, apesar da compra jogo a jogo ficar mais cara, a aquisição das provas em absoluto num país com os níveis de audiências de um país da dimensão de Portugal "dificilmente são rentabilizadas".

O novo horário da Champions (recorde AQUI) foi um dos motivos dissuasores para que apenas a SportTV tenha entrado no leilão da prova dos milhões. Já a partir desta temporada, haverá jogos às 18 e às 20 horas, custando um jogo da Liga dos Campeões cerca de 250 mil euros.

"No horário das 18 horas é impossível rentabilizar a transmissão", adiantou ao Expresso fonte da RTP, que até agora transmitia um jogo por semana da Champions, entre os quais o da recente final entre Real Madrid e Liverpool, também transmitido pela SportTV.

A Eleven Sports, que disponibiliza muitos dos seus conteúdos apenas online, já detém os direitos da Liga Espanhola no Reino Unido, na Polónia, na Bélgica e no Luxemburgo. A empresa fundada em 2015 também emite em países como os EUA, Taiwan ou Singapura, defendendo Andrea Radrizzabi que os novos tempos são de mudança de paradigna na forma como os adeptos, especialmente os mais jovens, assistem ao desporto em direto em plataformas streaming alternativas aos canais tradicionais.

Desde fevereiro de 2017, a estrutura acionista da SportTV é detida em partes iguais - capital e direito de voto - pela Olivedesportos, Vodafone, Nos e Meo, operadoras que remetem qualquer informação para o canal televisivo presidido por Joaquim Oliveira.