Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

Eles jogaram por mais de 8 horas, comeram pizza para continuar e jogarão novamente hoje

Storhamar Dragons e Sparta Warriors bateram o recorde de partida mais longa da história do hóquei sobre o gelo

Evandro Furoni

Patrick Smith/Getty

Partilhar

Ao todo foram 212 minutos e 14 segundos de partida, disputados ao longo de mais de oito horas. O tempo decorrido na partida entre Storhamar Dragons e Sparta Warriors fez desta a mais longa da história do hóquei sobre o gelo.

As duas equipas, que se enfrentaram pelos playoffs da liga norueguesa no domingo, precisaram de oito prorrogações para encerrar a partida. No final, os Dragons bateram os Warriors por 2-1.

O duelo começou às 17h do horário local e foi encerrado apenas às 2h32 da madrugada. Foram necessários oito tempos extra para sair o golo que encerrou o jogo.

Das 5 mil pessoas que foram assistir o confronto, apenas mil ficaram para ver o golo decisivo.

Pelas regras olímpicas, as equipas decidiram o resultado em disputa de penalidades após 10 minutos de tempo extra.

Pelo regulamento norueguês, quando a partida é eliminatória, as equipas jogam até alguém desempatar o resultado.

Na NHL, liga de hóquei no gelo dos EUA, a partida mais longa da história foi disputada em 1936. O Detroid Red Wings e o Montreal Maroons jogaram "apenas" 116 minutos e 30 segundos.

Para aguentarem a maratona, os jogadores das duas equipas comiam pizza nos intervalos de cada tempo extra.

No final, Joakim Jensen marcou o golo que determinou o fim da partida, para a alegria, e alívio, dos adeptos dos Dragons.

"Agora eu só quero ir para casa e dormir", disse o herói da noite depois do jogo.

Ele não terá muito tempo de descanso, já que o Storhamar Dragons e o Sparta Warriors enfrentam-se novamente na noite desta terça-feira. Os Dragons lideram a série por 3-2.