Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

Benfica contrata desertor cubano do triplo salto

Pedro Pablo Pichardo, uma das maiores promessas do triplo salto, assinou contrato com o Benfica e vai estrear-se no Meeting do clube, a 17 de junho

KIRILL KUDRYAVTSEV

Partilhar

O saltador cubano de 23 anos, que foi apresentado esta tarde como o novo reforço da equipa de atletismo do Benfica, vai ocupar o lugar de Nélson Évora, que representa agora o Sporting.

Campeão mundial junior em 2012 e vice-campeão mundial em 2013 e 2015, Pedro Pablo Pichardo tem um recorde pessoal de 18.08 metros, sendo o quarto melhor atleta da história do triplo salto. Será por isso um reforço importante para a luta pelo título nacional de clubes.

Durante a sua apresentação na Luz, Pichardo revelou que o objetivo é "voltar a saltar mais de 18 metros. Ainda durante este ano. E tentar ser campeão". "Foi o que sempre quis. Estou em boas condições e espero integrar-me bem neste novo grupo de atletas." A estreia de Pichardo está marcado para o Meeting do Benfica, no Estádio do Inatel, a 17 de junho.

Recorde-se que no passado dia 15 o jovem saltador desapareceu da concentração da seleção cubana, na cidade alemã de Estugarda - onde preparava os Mundiais de Londres -, correndo o rumor de que o seu desaparecimento foi um ato de deserção, juntando-se assim a uma longa lista de atletas que decidiram desertar do país em busca de novas oportunidades.

"PPP'", como é conhecido, já foi castigado por Cuba que o expulsou da seleção e impede-o de pisar solo cubano durante oito anos.

Fonte do Benfica revelou à Tribuna que Pichardo vai radicar-se em Portugal mas que "ainda é cedo para se falar em naturalização".

Note-se que em 2015, Pichardo conquistou a prata nos Mundiais de Pequim, à frente de Nélson Évora, tendo no ano seguinte falhado os Jogos Olímpicos devido a lesão.

Palavras-chave

Partilhar