Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

Uma Seleção em todo o lado (literalmente), os últimos bilhetes para a Rússia, Murray e Federer a brincar e Oliveira à procura da terceira

Ora está a chegar mais uma semana de futebol internacional, em que Portugal vai jogar nos três canais e há oito seleções europeias à procura de um lugar no Mundial. Em Glasgow há um Murray-Federer solidário e em Valência, no epílogo do Mundial de Moto2, Miguel Oliveira vai tentar juntar mais uma vitória às duas que conquistou nas últimas semanas - ah, e só um cataclismo tirará o quarto título mundial no MotoGP a Marc Márquez

Lídia Paralta Gomes

JOSE MANUEL RIBEIRO/Getty

Partilhar

Uma Seleção omnipresente

Na Rússia já estamos, pelo que agora é tempo de experiências para Portugal, quer seja na convocatória de Fernando Santos ou mesmo na forma de levar os próximos jogos da Seleção Nacional aos portugueses.

O jogo de preparação contra a Arábia Saudita (sexta-feira, às 20h45) será jogado em Viseu, um dos distritos mais afetados pelos incêndios e, para levar a solidariedade a mais gente, ou a toda a gente, será também transmitido pelos três canais generalistas: RTP1, SIC e TVI.

(Caso não aprecie futebol e não possua mais que os quatro canais, aqui fica a programação da RTP2: às 20h45 começam os desenhos animados “Sally Bollywood”, sobre uma curiosa detetive de 12 anos que recebe honorários em chocolates e outras guloseimas. Logo de seguida um momento musical com a Banda Zig Zag, para às 21h arrancar o magazine juvenil “Vamos à descoberta”, em que Fred, Jamy e Sabine abordam temas como a Terra, o Universo, saúde, história ou tecnologia, sempre a bordo do seu camião-laboratório. Às 21h30 começam as notícias do Jornal 2. E às 22h12 a série sueca “A Teia”, um thriller que acompanha a psicóloga ex-FBI Inger Johanne Vik numa investigação que envolve mortes perturbadoras e brutais. De nada).

Entre os convocados não estão intocáveis como Rui Patrício, William Carvalho, Quaresma ou Cristiano Ronaldo, com Fernando Santos a chamar uma série de potenciais convocáveis que terão neste teste (e no jogo com os Estados Unidos, na próxima semana) uma boa oportunidade para subirem na cadeia alimentar da Seleção Nacional.

Só por isso, será engraçado.

Os últimos bilhetes para Rússia estão aqui

Portugal já não tem de se preocupar com tais questões - coisa que, diga-se, não estávamos habituados até há bem pouco tempo - mas ainda há quem esteja à procura de um lugar para o Mundial da Rússia. Os últimos bilhetes estão aí para quem os agarrar e esta semana ficam já definidos alguns duelos do playoff da zona europeia.

Suécia ou Itália: só uma destas seleções estará no Mundial da Rússia

Suécia ou Itália: só uma destas seleções estará no Mundial da Rússia

Ian Walton/Getty

Assim, na quinta-feira joga-se a 1.ª mão do Irlanda do Norte-Suíça (às 19h45, na Sport TV1; 2.ª mão domingo às 17h, no mesmo canal) e do Croácia-Grécia (às 19h45, na Sport TV2; 2.ª mão domingo à mesma hora, no mesmo canal). Já a 1.ª mão do Suécia-Itália joga-se na sexta-feira (às 19h45, na Sport TV5; 2.ª mão dia 13) e a do Dinamarca-Irlanda no sábado (às 19h45, na Sport TV1; 2.ª mão dia 14).

Pelos restantes cantos do planeta também há lugares a definir: Honduras e Austrália jogam na sexta-feira (2.ª mão dia 15) e Nova Zelândia e Peru no sábado (2.ª mão dia 15).

Além dos jogos oficiais, há ainda uma série de particulares bem engraçados nos próximos dias. Como o Japão-Brasil (sexta-feira, às 12h, na Sport TV5), o Inglaterra-Alemanha (sexta-feira, às 19h), o Rússia-Argentina (sábado às 13h, na Sport TV1) ou o Comoros-Madagáscar (estou a brincar).

Ténis: Murray e Federer brincam um bocadinho

Há muito que não vemos Andy Murray nos courts e esta terça-feira vai dar para matar um pouco as saudades. Um pouco porque estamos a falar de um encontro solidário, que o escocês vai organizar em Glasgow, com as receitas a reverterem para a UNICEF e em que o convidado de honra dá pelo nome de Roger Federer, o melhor entre os mortais. Os dois jogam (ou vá, dão um pouco de espectáculo) a partir das 19h30 e o encontro terá transmissão na Eurosport 1.

O encontro é só de exibição, mas quem não gosta de um Murray-Federer?

O encontro é só de exibição, mas quem não gosta de um Murray-Federer?

Rob Carr/Getty

Para o escocês será uma oportunidade para voltar a jogar. Já o suíço vai fazer um treino mais puxadinho para as ATP Finals, que arrancam domingo. Para quem gosta de ténis, será um gosto.

Motociclismo: mais uma para Oliveira?

Ah, como adoramos o cheiro a 2015 pela manhã! Aquele cheiro a vitória de Miguel Oliveira para fechar o Mundial de Moto2. Pois é, basta ao português da KTM vencer no GP Comunidade Valenciana (domingo, às 11h20, na Sport TV2) para igualar o incrível final de temporada de 2015, em que ganhou as três últimas corridas e lutou até ao fim pelo título.

Desta vez já não é possível ir ao título - Miguel Oliveira é 3.º no Mundial e daí já não mexe - mas repetir o lugar mais alto do pódio da Austrália e Malásia deixa desde logo o aviso para o próximo ano, em que o jovem de Almada vai partir seguramente como um dos favoritos.

Miguel Oliveira, que já tinha festejado na Austrália, também foi 1.º na Malásia

Miguel Oliveira, que já tinha festejado na Austrália, também foi 1.º na Malásia

Mirco Lazzari gp/Getty

Se no Moto2 as contas do título já estão resolvidas (e no Moto3 também), o mesmo não acontece na categoria máxima, em que a vitória de Andrea Dovizioso na Malásia veio adiar a festa do título de Marc Márquez. Festa que muito dificilmente não vai acontecer para o espanhol no circuito Ricardo Tormo, nos arredores de Valência, que já há vários anos é palco do epílogo da temporada. É que para ainda chegar ao título, o italiano da Ducati precisa de ganhar e esperar que Márquez não faça melhor que 12.º (corrida no domingo às 13h, na Sport TV2).

Márquez está assim a um pequeno passo do 4.º título no MotoGP. Aos 24 anos! Já para Dovizioso o milagre resultaria num primeiro campeonato no currículo.