Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

Triplista cubano Pedro Pablo Pichardo já é português

Atleta desertou de um estágio da seleção cubana em abril e compete pelo Benfica desde então. Pichardo, que tem a quarta melhor marca de sempre no triplo-salto, está para já ainda impedido de representar a Seleção Nacional em Europeus e Mundiais

Lusa e Expresso

Ezra Shaw/Getty

Partilhar

Pedro Pablo Pichardo vai passar a competir como atleta português, depois de obtida a naturalização este mês, anunciou esta quinta-feira, em conferência de imprensa, o Benfica e o triplo saltador que em abril desertou de um estágio da seleção cubana na Alemanha. Nesse mesmo mês foi contratado pelas águias e tem vivido em Portugal desde então.

O atleta, de 24 anos, foi vice-campeão mundial em 2013 e 2015 e é detentor da quarta marca de sempre (18,08 metros).

O Benfica, que o contratou para suprir a saída de Nelson Évora - campeão olímpico de 2008 e recordista nacional, com 17,74 - para o Sporting, poderá contar com ele já para as provas nacionais de 2018, nomeadamente os campeonatos de clubes.

Pichardo terá entrado em conflito com a federação cubana por esta não o deixar treinar-se com o pai, Jorge Peralta. No último ano falhou os Jogos Olímpicos do Rio por lesão. De acordo com o jornal "A Bola", o atleta ainda não poderá representar Portugal em Mundiais e Europeus, já que a IAAF, organismo que tutela a modalidade, congelou todos os processos de transferência de nacionalidade pelo menos até março.