Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

A final do Europeu de futsal ao minuto: Portugal é campeão europeu de futsal

Em desenvolvimento

Já está: Portugal é campeão europeu de futsal, depois de conseguir marcar no último minuto do prolongamento. Venceu a Espanha por 3-2

Expresso

Ricardinho na final do Europeu de futsal, na Eslovénia

JURE MAKOVEC

Partilhar

- ACABOU! PORTUGAL É CAMPEÃO DA EUROPA! Portugal venceu por 3-2 a Espanha, que era campeã europeia.

- Grande defesa de André Sousa! Faltam dez segundos.

- A Espanha agora arrisca tudo, jogando com guarda-redes avançado.

- GOLO DE PORTUGAL DE LIVRE DIRETO!!!!! Foi Bruno Coelho a marcar!

- Falta de Espanha, o que significa que há livre direto para Portugal. Oportunidade de ouro para marcar, quando falta apenas um minuto.

- Portugal agora a defender o resultado e a Espanha a atacar com perigo.

- Faltam dois minutos para o jogo ir a penáltis.

- Ricardinho está mesmo KO. Sai lesionado, a chorar. Até os adeptos espanhóis aplaudem o melhor jogador de futsal do mundo que, recorde-se, joga em Espanha, no Inter Movistar.

- Quinta falta da Espanha. A partir de agora, se houver mais faltas, haverá livre direto.

- Remate ao poste da baliza de André Sousa - e Ricardinho continua lesionado, fora do jogo.

- Começa a 2ª parte do prolongamento e Ricardinho lesiona-se. Parece ter torcido o pé. Tal como no Europeu de futebol, quando Ronaldo saiu lesionado...

- Intervalo no prolongamento. Portugal 2-2 Espanha

- Recorde-se que Portugal tem cinco faltas cometidas, pelo que tem de ter cautela a defender para não dar mais um livre direto a Espanha.

- Portugal a entrar bem melhor no prolongamento.

- Já começou o prolongamento. Cada parte terá cinco minutos. Se o empate persistir, haverá penáltis.

- Final do jogo: Portugal 2-2 Espanha. Vai haver prolongamento para decidir a final.

- Faltam 30 segundos.

- Golo de Portugal! Bruno Coelho faz o 2-2, através do cinco para quatro - grande assistência de Pedro Cary. Falta um minuto para o final.

- Grande passe de Ricardinho e Bruno Coelho a tentar o golo de calcanhar mas a bola passa ao lado.

- Jorge Braz pede um desconto de tempo para depois ensaiar o cinco para quatro, ou seja, vai haver guarda-redes avançado. Será Pedro Cary o guarda-redes avançado de Portugal.

- Faltam três minutos.

- Ricardinho tenta o chapéu a Paco Sedano mas o guardião defende.

- O livre direto convertido por Miguelín vai à barra.

- Portugal comete a sexta falta, o que significa que vai haver livre direto para a Espanha.

- Mais um remate perigoso de Ricardinho, mas o guarda-redes espanhol defende.

- Faltam seis minutos e Portugal já chegou à quinta falta.

- Golo da Espanha, por Lin, após um livre muito bem trabalhado pelos espanhóis. Faltam oito minutos para o final.

- Estão pouco mais de 10 mil pessoas na Arena Stozice, na Eslovénia.

- Grande remate de Ricardinho a ser defendido pelo guarda-redes espanhol.

- Miguelín a rematar ao poste da baliza portuguesa.

- Há 12 minutos para jogar e tanto Portugal como Espanha já fizeram três faltas.

- Ainda há 15 minutos para jogar.

- Excelente canto de Ricardinho a encontrar Bruno Coelho, que remata de primeira e quase faz o 2-1.

- Boa entrada espanhola na 2ª parte. Portugal a sofrer para conseguir sair para o ataque.

- Começou a 2ª parte e logo com dois remates espanhóis: André Sousa defende um e o outro vai para fora.

- Intervalo. Portugal 1-1 Espanha

- Golo da Espanha, por Marc Tolrà, no último minuto da 1ª parte. Portugal 1-1 Espanha

- Nilson, jogador do Sporting de Braga, quase marcava o segundo, com um remate de longe.

- Faltam dois minutos para terminar a 1ª parte e Portugal já atingiu as cinco faltas.

- Finalmente um remate perigoso da Espanha, mas o guarda-redes André Sousa a defender muito bem para canto.

- Desconto de tempo pedido pela Espanha. O selecionador espanhol, Venancio López, grita: "Faltam seis minutos, temos de pressioná-los bem lá na frente!"

- Faltam sete minutos para terminar a 1ª parte.

- A Espanha ainda não conseguiu criar verdadeiro perigo junto da baliza de Portugal.

- Ainda antes do meio-campo, Ricardinho tentou um chapéu ao guarda-redes espanhol, que estava adiantado, mas o adversário conseguiu tocar para fora.

- A meio da 1ª parte, Portugal perdeu Bruno Coelho, que teve de sair definitivamente do jogo, por lesão no joelho.

- Golo de Portugal. Logo no primeiro minuto, o capitão Ricardinho fez o 1-0 para Portugal, frente à Espanha. Entrada fantástica da seleção, que está na final do Euro pela segunda vez. Em 2010, também contra a Espanha, perdeu por 4-2.