Tribuna Expresso

Perfil

motos

Nicky Hayden em estado crítico após ser atropelado enquanto andava de bicicleta

O piloto da Red Bull Honda World Superbike e campeão do mundo de MotoGP, em 2006, foi esta quarta-feira atropelado perto de Rimini, em Itália, enquanto dava um passeio de bicicleta. O norte-americano, de 35 anos, já foi transportado para um hospital, onde se encontrará em estado grave

Diogo Pombo

SAEED KHAN

Partilhar

Nicky Hayden estava a cumprir uma sessão de treino em bicicleta, algures na costa de Rimini, no norte de Itália, onde permaneceu após o Grande Prémio de Motul, em Imola, a contar para o mundial de Superbike. O norte-americano, que estava a pedalar em grupo, terá então sido atropelado por um veículo de marca Peugeot. O seu corpo embateu no vidro frontal do carro, antes de ser projetado para o alcatrão.

É assim que o Rimini Today, um jornal local, resume o acidente que, esta quarta-feira, obrigou a transportar o piloto norte-americano para um hospital local. A publicação escreve que Hayden, antigo campeão mundial de MotoGP, em 2006, terá sofrido um traumatismo craniano e, por isso, encontra-se em estado grave.

O site do MotoGP escreve apenas que os serviços de emergência "foram imediatamente chamados para o local", não adiantando qualquer informação relativa ao estado clínico do piloto.

Nick Hayden foi piloto de MotoGP, a categoria rainha do motociclismo, entre 2003 e 2015. Terminou a época de estreia na quinta posição do mundial e foi considerado o rookie do ano. À terceira temporada sagrar-se-ia campeão do mundo na última corrida do ano, depois de falhar a conquista do título no Autódromo do Estoril, onde sofreu uma queda e não conseguiu roubar pontos a Valentino Rossi - que vencera o título nos cinco anos anteriores.

Em 2016, o americano trocou o MotoGP pelo campeonato do mundo de Superbike, e conseguiu ser campeão mundial logo na primeira época, com a Honda. Este ano, Nicky Hayden ocupa a 13ª posição da classificação, ao fim de cinco corridas.

Partilhar