Tribuna Expresso

Perfil

Portugal

Marcelo: “Um presidente da República é eleito para sofrer”

A primeira reação do PR ao empate sofrido que permitiu a Portugal passar aos oitavos de final do Mundial2018

Tribuna Expresso

Paulo Cunha / Lusa

Partilhar

Em direto para o país da residência em Belém, Marcelo Rebelo de Sousa, presidente da República, disse o que lhe ia na alma logo após o empate com o Irão.

“O Quaresma anda há muitos campeonatos a fazer bons golos. E jogámos bem. É justo dizer: jogámos bem. No último jogo disse que tínhamos jogado bem e perdido. Aqui, não. Jogámos bem. Aquela ponta final deu empate, mas jogámos bem. A Espanha que está a jogar muito, ia perdendo com Marrocos. Havia dois treinadores portugueses em campo, mas só estávamos a tocer por um, não é verdade? Podemos ir até à final perfeitamente e ganhar. O Uruguai tem forças e fragilidades e vamos tomar partido das fragilidades. Sofri concentrado, mas um presidente da República é eleito para sofrer”