Tribuna Expresso

Perfil

Raio X às 32 seleções

Raio X: Japão, a seleção incerta

A Tribuna Expresso apresenta as 32 seleções presentes no Mundial 2018, uma por uma. Eis o Japão, que partilha o Grupo H com Colômbia, Polónia e Senegal

Tiago Teixeira, analista de futebol

Japão, pátria dos desenhos animados de futebol mais famosos do mundo: "Oliver e Benji"

Masahiro Ura

Partilhar

Ranking FIFA: 61º
Presenças em Mundiais: 6 (1998, 2002, 2006, 2010, 2014 e 2018)
Jogos no Mundial 2018: Colômbia (19 junho, 13h, RTP1 e SportTV); Senegal (24 junho, 16h, SportTV); Polónia (28 junho, 15h, RTP1 e SportTV)

O afastamento de Vahid Halilhodzic, a cerca de dois meses do Mundial, veio complicar a vida da seleção japonesa, uma vez que o novo selecionador, Akira Nishino, teve pouco tempo para implementar a sua ideia de jogo, sendo ainda incerto que sistema de jogo irá utilizar no Mundial.

Previsivelmente organizada em 4-3-3, a seleção japonesa procurará construir de forma apoiada, contando para isso com a qualidade técnica de vários jogadores.

Na linha defensiva, o pequeno defesa lateral Nagatomo, do Galatasaray, é o principal destaque, podendo jogar em ambos os corredores.

Do meio campo para a frente, o médio ofensivo Shinji Kagawa, do Borussia Dortmund, e os extremos Honda, do Pachuca, e Haraguchi, do Dusseldorf, serão os principais desequilibradores, sendo que na frente de ataque o principal destaque é o ponta-de-lança Shinji Okazaki, do Leicester, por aquilo que oferece sem bola e em zonas de finalização, contando já com 50 golos ao serviço da seleção.

Onze provável

Jogador chave

Shinji Kagawa é a grande estrela do Japão

Shinji Kagawa é a grande estrela do Japão

TF-Images

Shinji Kagawa, 29 anos, médio ofensivo do Dortmund, é um jogador muito forte tecnicamente e muito criativo. Será muito importante no espaço entre linhas do adversário.

Jogador a seguir

Naomichi Ueda joga no Japão

Naomichi Ueda joga no Japão

Koji Watanabe

Naomichi Ueda, 23 anos, defesa central do Kashima Antlers, do Japão, que se destaca pela velocidade e pela qualidade de passe na fase de construção.

Convocados

Guarda-redes: Eiji Kawashima (Metz/Fra), Masaaki Higashiguchi (Gamba Osaka/Jap) e Kosuke Nakamura (Kashiwa Reysol/Jap).

Defesas: Yuto Nagatomo (Galatasaray/Tur), Tomoaki Makino (Urawa Reds/Jap), Wataru Endo (Urawa Reds/Jap), Maya Yoshida (Southampton/Ing), Hiroki Sakai (Marselha/Fra), Gotoku Sakai (Hamburgo/Ale), Gen Shoji (Kashima Antlers/Jap) e Naomichi Ueda (Kashima Antlers/Jap).

Médios: Makoto Hasebe (Eintracht Frankfurt/Ale), Keisuke Honda (Pachuca/Mex), Takashi Inui (Eibar/Esp), Shinji Kagawa (Borussia Dortmund/Ale), Hotaru Yamaguchi (Cerezo Osaka/Jap), Genki Haraguchi (Fortuna Dusseldorf/Ale), Takashi Usami (Fortuna Dusseldorf/Ale), Gaku Shibasaki (Getafe/Esp) e Ryota Oshima (Kawasaki Frontale/Jap).

Avançados: Shinji Okazaki (Leicester/Ing), Yuya Osako (Werder Bremen/Ale) e Yoshinori Muto (Mainz/Ale).