Tribuna Expresso

Perfil

  • “Sair do armário tornou-me melhor atleta e pessoa”

    Entrevistas Tribuna

    Provavelmente o nome John Fennel não lhe diz nada. A nós também não dizia. John é um atleta olímpico do Canadá, que esteve nos Jogos de Inverno, em Sochi 2014, na Russia, onde foi 27º no luge (trenó). Está hoje e amanhã em Portugal não para ensinar como se desce uma montanha de gelo, enfiado num trenó a mais de 140km/h, mas para falar de bullying. Porquê? Porque, aos 19 anos, este atleta com mais de 1,90m de altura decidiu deixar de esconder-se e de ter medo e assumiu a sua homossexualidade perante o mundo. E é sobre a necessidade de ser autêntico e a promoção da inclusão no desporto, que vai dar palestras em duas escolas secundárias e uma universidade, além de realizar um debate na ILGA. John Fennell tem hoje 21 anos, está a preparar a sua qualificação para os Jogos Olímpicos (JO) de PyeongChang, na Coreia do Sul, em 2018, e conta como foi sair do armário e como isso melhorou a sua performance desportiva.