Tribuna Expresso

Perfil

FC Porto

O duelo entre o pior e o melhor ataque da Liga

O Moreirense recebe esta noite (21h, SportTV1), no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, o FC Porto, que luta para reforçar a liderança da Liga

Cátia Leitão

Na primeira volta da Liga 2017/18, o FC Porto venceu o Moreirense, no Dragão, por 3-0

FRANCISCO LEONG/GETTY

Partilhar

É um duelo de opostos. Esta noite, em Moreira de Cónegos, vamos poder assistir a uma disputa entre o melhor ataque da Liga e o pior ataque da Liga. Enquanto o líder FC Porto tem 46 marcados (e apenas 9 sofridos), o Moreirense fica-se pelos 15 golos marcados (e 30 sofridos), em 19 jornadas disputadas.

A partida promete não ser fácil para os anfitriões, que ocupam o 15º lugar na tabela, com apenas 15 pontos - ainda assim, oito dos quais conseguidos em partidas em casa, com uma vitória e cinco empates.

Neste momento, o FC Porto tem menos um jogo que os adversários, visto que o jogo com o Estoril foi interrompido ao intervalo enquanto os azuis e brancos perdiam por 1-0 e a segunda parte só vai ser jogada a 21 de fevereiro. Mas, mesmo com um jogo a menos, o FC Porto tem 48 pontos e ainda lidera a Liga - o Benfica empatou na segunda-feira contra o Belenenses, ficando-se pelos 47 pontos; e o Sporting, que também soma 47 pontos, só cumpre a 20ª jornada na quarta-feira, em Alvalade, frente ao Vitória de Guimarães (21h, SportTV1).

Os portistas têm estado invencíveis esta época e em 18 jogos, contam com 15 vitórias, três empates e... zero derrotas. Dos três empates, dois foram fora, contra o Sporting (0-0-) e contra o Desportivo das Aves (1-1), e o terceiro empate foi com o Benfica, por 0-0, no Estádio da Dragão. Estavam a ganhar há 10 jogos consecutivos quando empataram com o Sporting, por 0-0, nas meias finais da Taça da Liga, e a última vez que perderam um jogo foi para a Liga dos Campeões, em outubro de 2017, com o RB Leipzig, por 3-2.

Depois de Machado, Vieira

No lado do Moreirense, a época não tem sido satisfatória - e foi por isso que, no final de outubro, Sérgio Vieira substituiu Manuel Machado na liderança. Em 19 jogos, a equipa conta apenas com três vitórias, assim como com seis empates e 10 derrotas. Apenas conseguiu vencer o Estoril Praia (2-0), o Vitória de Guimarães (2-1) e o Desportivo das Aves (2-1).

As equipas já se defrontaram por 18 vezes e nesta disputa o FC Porto sai claramente vencedor. Os azuis e brancos ganharam 13 jogos (73%), empataram três vezes (17%) e perderam duas (11%). Mas, quando falamos de jogos em casa do Moreirense, a situação complica-se: em 10 jogos, os portistas ganharam cinco (50%).

O último jogo do FC Porto em Moreira de Cónegos, para o campeonato, aconteceu na última jornada da época de 2016/2017 e a equipa da casa ganhou por 3-1, com golos de Emmanuel Boateng, Frédéric Maciel e Alex Freitas - Maxi Pereira reduziu para os portistas. Mais recentemente, a 11 de janeiro, as duas equipas defrontaram-se para os quartos de final da Taça de Portugal, e o FC Porto saiu vitorioso por 2-1, com golos de Herrera e Layún - Edno reduziu.

Sérgio Conceição não vai poder contar com Danilo, que saiu lesionado do jogo com o Sporting, mas, mesmo com esta baixa de peso, o treinador dos azuis e brancos diz ter opções no plantel que lhe dão garantias de sucesso. Também Marcano, um dos capitães de equipa, está limitado fisicamente, o que pode provocar ainda mais alterações no onze inicial. Outro que já não conta para as contas é Soares, que teve um problema com o treinador e vai, ao que tudo indica, sair do clube - caminho inverso ao de Gonçalo Paciência, que estava emprestado ao Vitória de Setúbal e foi chamado novamente para o Dragão, depois de belas exibições a sul.

Sérgio vs Sérgio

A partida para a Taça de Portugal, há duas semanas, foi a primeira entre Sérgio Conceição e Sérgio Vieira, de 35 anos, que se está a estrear a treinar um clube da 1ª Liga. Mas Vieira sabe que a partida não vai ser fácil para os seus jogadores. “O FC Porto vai querer reagir ao objetivo que não foi conseguido da Taça da Liga, mas, acima de tudo, vai continuar a perseguir o objetivo no campeonato. Mais do que os objetivos do FC Porto, focamo-nos em nós. O nosso objetivo é fazer um grande jogo, mostrar organização, ser uma equipa solidária e trabalhadora, e, no final do jogo, conquistar pontos. Tudo o que seja conquistar algo frente ao FC Porto, é positivo", disse o técnico dos cónegos.

Por outro lado, Sérgio Conceição também não espera ter a vida facilitada. "É um jogo diferente daquele que disputámos na Taça de Portugal. Já houve quatro ou cinco mudanças no Moreirense desde então e agora voltou a mudar um ou outro jogador no último jogo. Vai ser um jogo difícil à imagem do que são os jogos em Moreira de Cónegos. Estamos conscientes das dificuldades e do que queremos como equipa. Assumimos a responsabilidade de ganhar o jogo e da importância dos 3 pontos na nossa caminhada", disse Sérgio Conceição na conferência de antevisão desta 20ª jornada da Liga.

A arbitragem vai ficar a cargo de Luis Ferreira da Associação de Futebol de Braga.