Tribuna Expresso

Perfil

FC Porto

A vez do Dragão. A festa segue dentro de momentos

A partir do meio-dia deste domingo há dez horas de animação preparadas para os adeptos do FC Porto nas imediações do Estádio do Dragão. Já está montada a estrutura para onde seguirão jogadores e equipa técnica depois do encontro com o Feirense.

HOMEM DE GOUVEIA

Partilhar

Depois das celebrações dispersas da noite de ontem, concentradas sobretudo na Avenida dos Aliados e junto à unidade hoteleira de Gaia onde o FC Porto está em estágio, este domingo, o epicentro dos festejos portistas é só um: o Estádio do Dragão.

Com o título de campeão nacional assegurado, depois do empate entre Sporting e Benfica de sábado, os dragões jogam em casa com o Feirense (20h15, SportTV1), mas a festa entre os adeptos irá muito para além da hora do jogo.

Junto ao Estádio do Dragão, onde a equipa vai jogar pela última vez em casa esta época, a animação começa ao meio-dia e prolonga-se por dez horas. Haverá uma zona de alimentação e bebidas junto ao estádio, música e pinturas faciais gratuitas.

As portas do Dragão, como habitualmente, vão abrir duas horas antes do jogo: 18h15. São esperados 50 mil adeptos - os bilhetes estão esgotados desde terça-feira -, uma enchente que pode bater o recorde de assistência da época.

No final do encontro, e independentemente do resultado que se venha a registar, a taça será entregue no relvado aos novos campeões nacionais, em “jejum” desde a temporada 2012/2013.

Depois, a festa será feita no exterior tendo como ponto central uma estrutura entretanto montada em cima da bilheteira central. É lá que serão chamados os jogadores e a equipa técnica, um a um, para serem saudados pelos adeptos, à semelhança do que aconteceu na última época em que o FC Porto se sagrou campeão.

A receção oficial na Câmara Municipal do Porto, onde os dragões não celebram títulos desde 1999, acontecerá no próximo fim de semana, no regresso de Guimarães onde o FC Porto vai encerrar a época diante do Vitória local.