Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Benfica à distância, Adrien falha jogos da seleção e Hamilton está com “demasiados” problemas no carro

Com o empate do Sporting, o Benfica ganhou mais margem de manobra na liderança do campeonato. Fim de semana também foi feliz para o Porto. Adrien Silva, pilar da defesa leonina (e da seleção) está lesionado e vai falhar os próximos jogos de Portugal. Lewis Hamilton acusou Mercedes de sabotagem do seu veículo, após ter sido obrigado a abandona o grande prémio da Malásia por problemas mecânicos

Fábio Monteiro

Comentários

PATRICIA DE MELO MOREIRA

Partilhar

Bom dia,

Estas são os principais destaques da imprensa desportiva desta segunda-feira:

Benfica ganha espaço na liderança do campeonato, Sporting escorrega e Porto regressa às vitórias

Se é fácil, o caminho é para eles”, escreve o Pedro Candeias, aqui no Tribuna, sobre a vitória do Benfica ao Feirense por 4-0. A goleada começou com um autogolo de Luís Aurélio e acabou com o primeiro golo da vida de Grimaldo numa primeira divisão. Os encarnados lideram, agora, com três pontos de vantagem sobre Sporting e FC Porto.

Ainda sobre o mesmo jogo, há para ler as palavras catitas do Azar do Kralj: “o coque masculino, a joie de vivre do Grimaldo e o gesto técnico do Luís Aurélio”.

Tudo isto são más notícias para o Sporting que deslizou no sábado, frente ao Vitória de Guimarães, quando tinha tudo para assegurar os três pontos.

O Sporting estava a ganhar por três em Guimarães e parecia estar a passear no parque. Só que julgou que o jogo estava morto, relaxou, não se certificou que o tinha matado e o Vitória empatou entre os 74' e os 89'. O Diogo Pombo escreve aqui no Tribuna um manual para totós sobre este jogo: “Como ser borracho em 15 minutos”.

O Porto de Nuno Espírito Santo também teve um fim de semana feliz. O treinador portista deu a titularidade a Diogo Jota e o miúdo respondeu com três golos. Na vitória por 4-0 frente ao Nacional viu-se um FC Porto mais afoito e o técnico azul-e-branco poderá ter encontrado na Choupana a dupla de ataque que tanto procurava, escreve a Lídia Paralta Gomes.

Adrien Silva falha jogos da seleção

O médio Adrien Silva, do Sporting, sofreu uma lesão na face posterior da coxa direita e não tem para já um período de recuperação definido, informou este domingo o departamento de comunicação do clube da I Liga de futebol.

Adrien lesionou-se no sábado, durante o jogo no terreno Vitória de Guimarães, da sétima jornada do campeonato, e foi substituído pelo brasileiro Elias, ao minuto 36, num jogo que terminou empatado 3-3.

O médio 'leonino' deverá falhar os dois próximos jogos de Portugal na fase de qualificação para o Mundial de 2018, com Andorra, a 07 de outubro, e Ilhas Faroé, a 10.

Lewis Hamilton acusa Mercedes de sabotagem

O piloto inglês de Fórmula 1 Lewis Hamilton, obrigado a abandonar o Grande Prémio da Malásia com problemas de motor, acusou no domingo alguém da Mercedes de não querer que ele ganhe o campeonato.

“Há alguém que não quer que eu ganhe este ano”, disse o campeão do mundo em título à BBC Radio, no final da corrida, a qual abandonou a 15 voltas do fim, mantendo-se na segunda posição do mundial, mas agora a 23 pontos do seu companheiro de equipa é líder do campeonato, o alemão Nico Rosberg.

O piloto britânico foi ainda claro: “A minha questão é para a Mercedes: nós fabricamos todos os motores, mas apenas os meus têm dado problemas este ano... Alguém tem de me dar respostas, porque isto é inaceitável.”

MANCHETES DO DIA

A Bola: “Mais Líder”. O Benfica está em fuga: com a vitória do fim de semana por 4-0 sobre o Feirense, deixa os rivais a três pontos. Rui Vitória tem razões para estar contente.

“A culpa é minha”, diz Bruno de Carvalho, sobre o empate do Sporting com o Guimarães. E Jesus rejeita que o desaire leve a “depressões”.

Record: “Mais Líder”. Autogolo de Luís Aurélio abriu caminho à goleada com Salvio, Cervi e Grimaldo a marcarem. Foi a quinta vitória consecutiva do Benfica na liga.

O Jogo: “Goleada a meias”. Esta é a visão do desportivo do jogo de Benfica com o Feirense: nem todos os méritos do resultado podem ser tributados aos encarnados.