Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Adeus, Ranieri! Um debate sportinguista quente e tenso, Jonas regressa e André Horta já não joga há um mês

O Leicester City anunciou na quinta-feira a destituição do treinador Claudio Ranieri, nove meses depois de o técnico italiano ter liderado a conquista do único título do clube

Expresso

AN\303\223NIO COTRIM

Partilhar

Bom dia,

estes são os principais destaques da imprensa desportiva esta sexta-feira:

Madeira Rodrigues:Bruno de Carvalho estava “muito triste e abatido” após o debate

Pedro Madeira Rodrigues, candidato à presidência do Sporting, afirmou, na quinta-feira, que o atual presidente dos 'leões', Bruno de Carvalho, estava "muito triste e abatido" após o debate entre ambos, na Sporting TV.

"Tive a sensação clara que ele esteve em perda o tempo todo. Se calhar, fui ganhando esta força, esta confiança e senti-o muito em baixo no fim. Quando o fui cumprimentar ele estava muito triste e abatido. Dei-lhe força para os próximos dias e ele disse-me qualquer coisa mal do meu projeto", argumentou.

No final do debate, que demorou cerca de duas horas, o candidato da lista A considerou que Bruno de Carvalho "se repetiu e pegou em papéis para disfarçar a incapacidade de falar por ele próprio".

Madeira Rodrigues diz que saída de Jesus será "limpinha, limpinha"

O candidato à presidência do Sporting, Pedro Madeira Rodrigues, disse durante o debate com o atual presidente, Bruno de Carvalho, na Sporting TV, que a saída Jorge Jesus vai ser “limpinha, limpinha”.

“Não vamos pagar qualquer indemnização, a saída dele vai ser 'limpinha, limpinha' (expressão usada por Jorge Jesus, quando era treinador do Benfica, para qualificar a arbitragem de um dérbi, que foi contestada pelos 'leões'). Acredito que saia pelo seu pé. Se não fizer? Quem está identificado com leis percebe que temos muitos trunfos!”, disse Madeira Rodrigues, que esteve particularmente acutilante a atacar Bruno de Carvalho.

O candidato visou particularmente o atual presidente na gestão do futebol profissional: “Se eu não fizer o Sporting campeão nos próximos quatro anos, nem sequer me recandidato. Você convidou Jesualdo Ferreira e Leonardo Jardim para continuarem e eles recusaram. Esta época contratou 15 jogadores que foram um fracasso total, com exceção de Bas Dost. O Rúben Semedo é melhor do que os 12 centrais que você contratou desde que chegou ao Sporting.”

Ranieri despedido do Leicester, nove meses depois de ser campeão

O Leicester City, campeão inglês de futebol na última época, anunciou a destituição do treinador Claudio Ranieri, nove meses depois de o técnico italiano ter liderado a conquista do único título do clube.

No comunicado do clube, publicado na sua página oficial, reconhece-se o papel de Ranieri no "maior sucesso em 133 anos da história do clube", mas contrapõe-se o facto de, esta época, as coisas não estarem a correr bem, pelo que "pelo superior interesse do clube", uma mudança é conveniente.

"Nunca foi nossa expetativa que os extraordinários feitos da última época se replicassem nesta, no entanto, a manutenção na 'Premier League' era o nosso primeiro e único objetivo no início da campanha. Agora, estamos confrontados com uma luta por esse objetivo e sentimos que uma mudança é necessária, para maximizar as oportunidades nas 13 últimas jornadas", refere ainda o comunicado.

Rui Vitória alerta para qualidade do Chaves e mantém dúvida sobre Jonas

O treinador de futebol do Benfica, Rui Vitória, manteve a dúvida sobre a utilização do avançado Jonas na receção desta sexta-feira ao Desportivo de Chaves, equipa para a qual alerta sobre a qualidade de jogo.

O técnico, que falava em conferência de imprensa de antevisão ao encontro com os flavienses, da 23.ª jornada da I Liga, sustentou que a equipa agora comandada por Ricardo Soares, depois de ter começado a época sob alçada de Jorge Simão, agora treinador do Sporting de Braga, manteve o rendimento após a troca.

Jonas regressa aos convocados do Benfica

O regresso do avançado brasileiro Jonas constitui a principal novidade nos convocados do Benfica para a receção, esta sexta-feira, ao Desportivo de Chaves, em jogo da 23.ª jornada da I Liga de futebol.

Jonas esteve ausente devido a dores nas costas (cervicodorsalgia), tendo falhado os dois últimos jogos, com o Borussia Dortmund para a Liga dos Campeões e na deslocação a Braga para o campeonato.

Além de Jonas, a lista de 20 convocados contempla ainda a presença do guarda-redes Ederson, que falhou o último encontro para o campeonato devido a ter cumprido um jogo de castigo.

Olympiacos nos 'oitavos' da Liga Europa

Olympiacos, treinado pelo português Paulo Bento, apurou-se para os oitavos de final da Liga Europa de futebol, após vencer na segunda mão no terreno dos turcos do Osmanlispor, por 3-0.

Depois do nulo no primeiro duelo, os gregos garantiram o apuramento com um 'bis' do iraniano Ansarifard, que abriu a contagem aos 47 minutos e confirmou o triunfo aos 86, enquanto, pelo meio, o norueguês Elyounoussi também marcou, aos 70.

André Martins (saiu lesionado aos 65 minutos) e Diogo Figueiras foram titulares no Olympiacos, enquanto Tiago Pinto esteve no 'onze' dos turcos, tendo sido substituído aos 66.

A formação liderada por Paulo Bento, antigo selecionador português, juntou-se nos 'oitavos' a Manchester United, Schalke 04 e Krasnodar, equipas que já tinha assegurado a qualificação na quarta-feira.

André Horta não é convocado há um mês

André Horta não faz parte da lista de 20 jogadores convocados por Rui Vitória para o duelo frente ao Chaves, apesar do médio não estar lesionado, conta a “Bola”. Há um mês que não é um convocado.

Manchetes do dia

A Bola: “Não vim pelo dinheiro”. Renato Sanches em entrevista ao desportivo.

Record: “Aqueceu”. Debate entre Bruno de Carvalho e Madeira Rodrigues foi renhido e com muitos momentos de tensão.

O Jogo: “A camisola da Juventus pesa mais”. Felipe e Casillas assumem que expulsão a Telles foi correta.