Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Já foram agredidos 35 árbitros esta época

Agressões terão ocorrido sempre em escalões não-profissionais do desporto. Árbitros estão revoltados e admitem não comparecer aos jogos

Expresso

MIGUEL RIOPA/Getty

Partilhar

Na temporada 2016/17 ser árbitro tornou-se uma profissão risco. Quebrando estatísticas de anos anteriores, o desporto rei em Portugal está a registar uma onda de violência sem precedentes: desde o início da época, 35 árbitros já foram agredidos nos escalões não-profissionais, conta o “Jornal de Notícias” esta terça-feira.

Segundo dados oficiais da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF), a que o “JN” teve acesso, os incidentes foram registrados em 12 distritos diferentes. Estas agressões terão ocorrido sempre em escalões não-profissionais do desporto.

De acordo com o matutino, os árbitros estão revoltados e admitem não comparecer aos jogos. Representantes da APAF irão em breve comparecer numa sessão no Parlamento, para falarem sobre esta situação.