Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Bruno Varela foi chamado à seleção, Arouca e Nacional dispensam treinadores e Gelson sonha ser como “Nani ou Ronaldo”

O guarda-redes Anthony Lopes foi dispensado dos trabalhos da seleção portuguesa, devido a problemas físicos, e vai ser rendido por Bruno Varela, que estava ao serviço dos sub-21

Expresso

PATRICIA DE MELO MOREIRA

Partilhar

Bom dia,

estes são os principais destaques da imprensa desportiva esta quarta-feira:

José Lourenço eleito presidente do Comité Paralímpico de Portugal

José Lourenço foi eleito presidente do Comité Paralímpico de Portugal (CPP) para o quadriénio 2017-2020, sucedendo a Humberto Santos, que liderava o organismo desde a sua fundação.

A Lista B, liderada por José Lourenço, recebeu 122 votos, contra os 82 da Lista A, comandada por Fausto Pereira, num ato eleitoral em que não se registaram votos brancos ou nulos.

José Lourenço, tal como Fausto Lourenço, era vice-presidente da FPP desde 2009, ano da primeira eleição de Humberto Santos, que no início deste ano deixou a presidência para assumir a liderança do Instituto Nacional para a Reabilitação.

Mundial2018: Anthony Lopes dispensado da seleção lusa, Bruno Varela chamado

O guarda-redes Anthony Lopes foi dispensado dos trabalhos da seleção portuguesa, devido a problemas físicos, e vai ser rendido por Bruno Varela, que estava ao serviço dos sub-21, revelou fonte da Federação Portuguesa de Futebol.

Anthony Lopes, que foi esta manhã a única baixa no arranque da preparação para o embate de sábado com a Hungria, chegou à concentração com queixas nas costas e, depois de ser reavaliado, foi decidido que não está em condições de poder ajudar Portugal no encontro de qualificação para o Mundial2018.

O guardião do Lyon vai ser substituído por Bruno Varela, que estava a trabalhar com a equipa de sub-21. O guarda-redes do Vitória de Setúbal estreia-se nas escolhas de Fernando Santos e vai cumprir na quarta-feira o primeiro treino da sua carreira com a seleção principal.

Rui Alves confirma João de Deus como sucessor de Jokanovic

O técnico português João de Deus foi confirmado por Rui Alves, presidente do Nacional, clube da I Liga portuguesa de futebol, como substituto do sérvio Predrag Jokanovic.

Em declarações na Choupana, Rui Alves considerou que o jovem técnico que orientava o Sporting B, mas que também já trabalhou no Gil Vicente, Oliveirense, Atlético e Farense, é o "treinador ideal, para inverter este ciclo negativo e dar um safanão na crise" por que atravessa a equipa, que ocupa a 18.º posição na tabela, com apenas 17 pontos conquistados.

"Como não se consegue resolver na terra, vamos buscar Deus", disse Rui Alves, em tom de boa disposição.

Treinador Manuel Machado e Arouca rescindem contrato

Manuel Machado e o Arouca, da I Liga portuguesa, rescindiram, de mútuo acordo, o contrato válido até ao final da presente temporada, confirmou à agência Lusa o treinador de futebol.

Manuel Machado, de 61 anos, tinha sucedido após a 21.ª jornada a Lito Vidigal na formação arouquense, atual 13.ª classificada na I Liga, depois de disputadas 26 rondas.

Após ter iniciado a temporada no Nacional, que deixou após 15 jornadas, Manuel Machado somou cinco derrotas ao comando técnico do Arouca.

Predrag Jokanovic deixa comando técnico do Nacional

O sérvio Predrag Jokanovic deixou o comando técnico do Nacional, anunciou o 18.º e último classificado da I Liga portuguesa de futebol.

“O CD Nacional, Futebol SAD informa que chegou a acordo com o técnico da sua equipa sénior de futebol, Predrag Jokanovic, para rescindir o contrato válido até final da temporada”, lê-se no sítio oficial do clube madeirense.

Jokanovic, que tinha regressado ao cargo de treinador do clube após a 15.ª jornada, sucedendo a Manuel Machado, somou seis empates e cinco derrotas, sem nunca deixar a zona de despromoção.

Mundial2018: Árbitro polaco Szymon Marciniak no Portugal-Hungria

O polaco Szymon Marciniak foi o árbitro nomeado para o jogo de sábado entre Portugal e Hungria, no Estádio da Luz (19:45), de qualificação para o Mundial2018 de futebol.

Marciniak dirigiu anteriormente dois jogos da seleção portuguesa: num Portugal-Azerbaijão (3-0), de apuramento para o Mundial2014, em 2012, e num particular entre França e Portugal (2-1), em 2014.

O polaco foi também o árbitro da final do Europeu de sub-21, em 2015, na qual Portugal perdeu diante da Suécia, no desempate por grandes penalidades.

Gelson sonha ser como Ronaldo ou Nani

O jovem revelação da época do Sporting, em entrevista ao “Record”, mostra ambição e vontade de ser um nome no futebol português. “Ser uma referência, como Nani e Ronaldo. Trabalhar para isso. E afirmar-me na Seleção”, disse.

Ser chamado à seleção das quinas foi um momento muito importante para Gelson. “Sabia que ia sair a convocatória mas não estava a acompanhar no momento em que ela foi divulgada. Ligaram-me a perguntar se tinha visto e eu respondi que não. Assim que me disseram fui logo confirmar à internet. Já estava ansioso. Quando vi o meu nome senti orgulho”, disse.

Manchetes do dia

A Bola: “Guardiola já falou com Ederson”. O treinador do Manchester City estuda o guarda-redes do Benfica.

Record: “Quero ser referência como Nani e Ronaldo”. Gelson em entrevista ao desportivo.

O Jogo: “Tenho a certeza que vamos ser campeões”. Promessa de Alex Telles.