Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

O videoárbitro está aí, Dulce Félix pára de correr (por uma boa razão), a Juventus rasteirou o Mónaco e tudo o que se passou no Estoril

Dulce Félix anunciou que este verão não vai conquistar medalhas. A razão é simples: uma gravidez

Expresso

A atleta de 34 anos está grávida e não vai aos mundiais, em agosto

Ian MacNicol

Partilhar

Bom dia,

estes são os principais destaques da imprensa desportiva esta quinta-feira:

É oficial: videoárbitro chega à I Liga na próxima época

Na próxima época, os jogos da primeira I Liga portuguesa vão passar a ser avaliados dentro e fora da quatro linhas: todos os 306 jogos do campeonato de futebol terão videoárbitro a auxiliar as decisões tomadas pelo juiz de campo. Esta notícia é avançada por vários matutinos nacionais esta quinta-feira.

Dulce Félix deixa de correr. Por uma boa razão

Já foi campeã europeia em 2012, em Helsínquia. Também já foi campeã europeia de corta-mato, em Dublin, no longínquo ano de 2009. Já ganhou uma medalha de bronze e uma de prata, no Europeu de corta-mato, em 2010 e em 2011. Falamos de Dulce Félix, a recordista nacional de meia-maratona que corre pelo Sport Lisboa e Benfica.

Ao contrário do que tem sido habitual na carreira, a atleta anunciou que este verão não vai vai conquistar medalhas. A razão é simples: uma gravidez.

O dono da bola sou eu e só joga quem eu quiser

No recreio em que os putos conseguiram jogar contra os mais velhos, e que por acaso era a primeira mão de uma meia-final da Liga dos Campeões, aconteceu o que, talvez, era mais esperado: a Juventus foi sempre melhor que o Monaco e ganhou (0-2).

A análise do jogo para ler AQUI na Tribuna.

Estoril Open: João Domingues eliminado na segunda ronda

O tenista português João Domingues, vindo da qualificação, foi eliminado na segunda ronda do Estoril Open, ao perder com o sul-africano Kevin Anderson, em três ‘sets’.

João Domingues, 242.º do mundo, perdeu frente ao experiente sul-africano, 66.º, por 7-5, 3-6, 7-5, em duas horas e 26 minutos.

Na próxima ronda, Anderson vai defrontar o francês Richard Gasquet, segundo cabeça de série e vencedor em 2015.

Estoril Open: Richard Gasquet nos quartos de final

O tenista francês Richard Gasquet, segundo cabeça de série, apurou-se para os quartos de final do Estoril Open, ao derrotar o argentino Carlos Berlocq, em dois ‘sets’.

Numa batalha entre antigos campeões do único torneio ATP disputado em Portugal – Berlocq foi o último campeão do extinto Portugal Open, Gasquet o primeiro do Millennium Estoril Open -, foi o francês a levar a melhor, impondo-se por 6-1 e 6-4, em uma hora e 29 minutos.

O 64.º do ‘ranking’ mundial até entrou melhor, conseguindo logo o ‘break’, mas concedeu seis jogos consecutivos, incluindo três no seu serviço, para perder o primeiro parcial para o francês por 6-1.

Estoril Open: Del Potro desiste devido à morte do avô

O tenista argentino Juan Martín del Potro, quinto cabeça de série, desistiu do Estoril Open, devido à morte do avô, anunciou a organização do torneio.

“Juan Martin desistiu do Estoril Open devido ao falecimento do seu avô. Os nossos pensamentos estão com ele e com a sua família”, lê-se na página oficial do torneio na rede social Twitter.

Del Potro, bicampeão do antigo Estoril Open, tinha-se estreado na terça-feira, com um triunfo sobre o japonês Yuichi Sugita, por 6-1 e 6-3, em uma hora e 21 minutos.

Estoril Open: Carreno Busta, primeiro cabeça de série, nos quartos de final

O tenista espanhol Pablo Carreno Busta, primeiro cabeça de série e finalista vencido em 2016, qualificou-se para os quartos de final do Estoril Open, depois de derrotar o compatriota Tommy Robredo.

Carreno Busta, 21.º da hierarquia mundial, eliminou Robredo, que é 287.º, mas está no Estoril Open com ‘ranking’ protegido, por 7-6 (7-5), 7-5, em uma hora e 58 minutos.

Depois de ter ficado isento da primeira ronda, o finalista vencido de 2016 vai defrontar nos quartos de final o vencedor do encontro entre o português Gastão Elias e o espanhol Nicolas Almagro, campeão em título.

Quatro 'bês' no treino do FC Porto ainda sem o lesionado Danilo

O FC Porto prosseguiu na quarta-feira a preparação do jogo de sábado com o Marítimo, no Funchal, da 32.ª jornada da I Liga de futebol, com um treino com quatro ‘bês’ e ainda sem o lesionado Danilo.

De acordo com a nota publicada no sítio dos ‘dragões’, o médio Danilo, suturado com nove pontos no joelho esquerdo, após o jogo com o Feirense (0-0), que o levou a falhar a deslocação a Chaves (0-2), fez tratamento e trabalho de ginásio.

Com o médio Danilo a ser o único a constar do boletim clínico dos portistas, o treinador Nuno Espirito Santo chamou os ‘bês’ Mouhamed Mbaye, Fernando Fonseca, Inácio e Diogo Verdasca a integrar os trabalhos do plantel principal.

Manchetes do dia

A Bola: “Federação impõe vídeoárbitro em todos os jogos da I Liga”. Fernando Gomes ataca o problema das críticas à arbitragem pela raiz

Record: “Vou dar tudo para bater Messi”. Palavras de Bas Dost

O Jogo: “Mourinho negoceia Ederson”. Vieira quer 30 milhões por metade do passe do guarda-redes

Partilhar